PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Ancelotti enfrenta Milan pela primeira vez com o Napoli

25/01/2019 15h36

Roma, 25 Jan 2019 (AFP) - Um mês depois dos incidentes sérios que ofuscaram o jogo entre Inter e Napoli, a equipe do sul da Itália retorna ao estádio San Siro, em Milão, no sábado, pela 21ª rodada da Série A, para enfrentar o Milan, clube em que Carlo Ancelotti obteve suas maiores conquistas.

É a primeira vez que o técnico vai enfrentar o Milan nesse estádio, onde triunfou com as cores vermelha e preta como jogador (duas Ligas dos Campeões) e treinador (duas Champions também).

Depois de sair em 2009, Ancelotti já voltou ao San Siro, mas apenas para jogar contra a Inter, como no dia 26 de dezembro, quando brigas entre torcidas terminaram com a morte de um torcedor da Inter.

As medidas de segurança foram reforçadas para a partida do sábado. Apesar do risco, os torcedores do Napoli foram autorizados a assistir ao jogo.

O duelo também marca o retorno aos gramados do zagueiro Kalidou Koulibaly após dois jogos de suspensão por sua expulsão, ocorrida exatamente contra a Inter, em uma partida em que ele foi alvo de insultos racistas.

"De alguma forma, eu gosto de ter me tornado um símbolo da luta contra o racismo, mas por outro lado, não. Não é bom ter que enfrentar uma situação como essa novamente. O futebol é um esporte popular, e cabe a nós dar mais um passo contra a discriminação e o racismo", declarou o senegalês nesta quinta-feira em entrevista ao site oficial de seu clube.

No jogo de sábado, haverá muito em jogo, especialmente para o Milan, que atualmente ocupa o quarto lugar na zona de classificação para a Liga dos Campeões, mas sabe que outras equipes podem superá-lo em caso de tropeço, como a Roma (quinta colocada, com um ponto a menos) ou a Atalanta (sétima com três pontos a menos), que se enfrentam no domingo, em Bérgamo.

A rodada também pode marcar a estreia no Milan do atacante polonês Krzysztof Piatek, contratado junto ao Genoa para ocupar o lugar deixado por Gonzalo Higuain, que pertence à Juventus e foi emprestado ao Chelsea.

O Napoli (segundo na tabela), tem uma margem de sete pontos à frente da Inter (terceiro), que visita o Torino (11º), mas ainda sonha em se aproximar da líder Juve, que tem nove pontos a mais e vai enfrentar a Lazio (6º) fora de casa.

"Nós conseguimos derrotá-los em algumas ocasiões nas últimas temporadas. Se nos entregarmos 110% e tivermos um pouco de sorte, podemos conseguir", disse Ciro Immobile, atacante da Lazio.

-- Programação da rodada:

- Sábado 26 de janeiro

(12h00) Sassuolo - Cagliari

(13h00) Sampdoria - Udinese

(17h30) Milan - Napoli

- Domingo 27 de janeiro

(9h30) Chievo - Fiorentina

(12h00) Atalanta - Roma

Bolonha - Frosinone

Parma - SPAL

(15h00) Torino - Inter

(17h30) Lazio - Juventus

- Segunda-feira 28 de janeiro

(17h30) Empoli - Genoa

Classificação: Pts J V E D Gp Gc SG

1. Juventus 56 20 18 2 0 41 11 30

2. Napoli 47 20 15 2 3 39 18 21

3. Inter 40 20 12 4 4 31 14 17

4. Milan 34 20 9 7 4 28 20 8

5. Roma 33 20 9 6 5 37 26 11

6. Lazio 32 20 9 5 6 29 23 6

7. Atalanta 31 20 9 4 7 44 27 17

8. Sampdoria 30 20 8 6 6 35 26 9

9. Parma 28 20 8 4 8 19 24 -5

10. Fiorentina 27 20 6 9 5 28 21 7

11. Torino 27 20 6 9 5 26 22 4

12. Sassuolo 26 20 6 8 6 30 32 -2

13. Cagliari 21 20 4 9 7 19 27 -8

14. Genoa 20 20 5 5 10 25 37 -12

15. Udinese 18 20 4 6 10 17 25 -8

16. SPAL 18 20 4 6 10 16 28 -12

17. Empoli 17 20 4 5 11 24 39 -15

18. Bologna 14 20 2 8 10 16 30 -14

19. Frosinone 10 20 1 7 12 12 42 -30

20. Chievo 8 20 1 8 11 14 38 -24

stt/psr/aam

Esporte