PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Grand Slams reduzem número de cabeças de chave a partir de 2019

21/11/2017 15h14

Londres, 21 Nov 2017 (AFP) - O número de tenistas que vão iniciar os quatro torneios Grand Slam como cabeças de chave vai ser reduzido para 16 a partir de 2019, em vez dos 32 atuais, como medida para aumentar o atrativo do esporte.

A partir de 2019, Aberto da Austrália, Roland Garros, Wimbledon e US Open vão ter apenas 16 jogadores como cabeça de chave, tanto na categoria masculina quanto feminina. O anúncio foi feito nesta terça-feira pela Grand Slam Board, organismo que regula os quatro maiores torneios de tênis.

A medida pretende aumentar o atrativo das primeiras fases das competições, abrindo chance dos melhores tenistas se cruzarem antes de chegarem às rodadas decisivas.

Até Wimbledon de 2001 o número de cabeças de chave era 16, mas o número aumentou para 32 no US Open do mesmo ano. O pedido veio das redes de televisão, que queriam ver os melhores tenistas nas fases finais.

Esporte