PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Amistoso entre França e Espanha terá assistência de vídeo à arbitragem

Auxílio de vídeo só poderá ser usado em quatro casos: após gol, em ação de pênalti, em caso de expulsão ou para corrigir um erro de identidade de um jogador punido - STOYAN NENOV / REUTERS
Auxílio de vídeo só poderá ser usado em quatro casos: após gol, em ação de pênalti, em caso de expulsão ou para corrigir um erro de identidade de um jogador punido Imagem: STOYAN NENOV / REUTERS

Da AFP, em Paris

27/03/2017 15h11

A assistência de vídeo será utilizada na França pela primeira nesta terça-feira, no amistoso em Paris entre a seleção local e a Espanha, anunciou nesta segunda a Federação Francesa de Futebol (FFF).

"A comunicação entre o árbitro principal e o árbitro assistente de vídeo será efetivada durante o jogo, com um impacto eventual sobre as decisões iniciais do árbitro", explicou a FFF em comunicado.

O assistente de vídeo só poderá ser usado em uma destas quatro situações de jogo: após um gol, em uma ação de pênalti, em caso de expulsão ou para corrigir um erro de identidade de um jogador punido.

O assistente de vídeo não foi autorizado formalmente pela International Board, entidade responsável pelas regras do futebol, mas está em fase de testes em vários países.

A International Board deve se pronunciar em março de 2018. O presidente da Fifa, Gianni Infantino, quer a implementação da assistência de vídeo de maneira definitiva no Mundial da Rússia, também em 2018.

1º pênalti com árbitro de vídeo tem marcação polêmica contra o At. Nacional

UOL Esporte

Esporte