PUBLICIDADE
Topo

Esporte


Com gol de estreante Calleri, São Paulo empata na pré-Libertadores

04/02/2015 09h26

Trujillo, Peru, 4 Fev 2016 (AFP) - O São Paulo iniciou a missão de buscar a classificação à fase de grupos da Libertadores com um empate em 1 a 1 no Peru com o César Vallejo, nesta quarta-feira pela fase preliminar da competição, contando com o gol do estreante Jonathan Calleri, ex-Boca Juniors.

O modesto César Vallejo abriu o placar num incrível chute de Alejandro Hohberg, aos 18 minutos de jogo, mas viu o tricolor empatar com Calleri, reforço para a Libertadores que encobriu o goleiro do time peruano após lançamento de Ganso, aos 20 minutos do segundo tempo.

Para não igualar o vexame protagonizado em 2011 pelo arquirrival Corinthians, única equipe brasileira a não superar a pré-Libertadores, o São Paulo terá que segurar o empate sem gols ou vencer a partida de volta, na semana que vem no Morumbi. Uma derrota ou um empate em dois gols ou mais valerá a classificação para o clube peruano.

Tricolor surpreendidoSem Rogério Ceni, capitão aposentado, e não podendo contar com o zagueiro Diego Lugano, contratado para ser o novo líder do vestiário tricolor, mas que ainda não tem condições físicas de ajudar a equipe, o São Paulo dominou a partida, mas pecou em momentos cruciais e teve que se contentar com o empate.

Sob a liderança do novo técnico da equipe, o argentino Edgardo 'El Patón' Bauza, e jogando contra uma modesta equipe peruana, fundada em 1996 e que tenta chegar à fase de grupos da Copa Libertadores pela primeira vez em sua história, o São Paulo entrou em campo disposto a colocar em prática sua superioridade.

Nos 20 primeiros minutos de jogo, o tricolor mandou no jogo, ficou a bola no pé e criou diversas chances de gol.

Aos 10 minutos, o time paulista chegou até a abrir o placar numa cabeçada de Alan Kardec que bateu no travessão e quicou dentro do gol antes de sair. O árbitro, porém, errou ao afirmar que a bola não tinha cruzado a linha de gol.

No ataque seguite, outra grande chance tricolor. Após linda jogada pela ponta esquerda, Ganso ficou de frente para o gol peruano e chutou por cima do goleiro Libman, mas a bola novamente foi parar no travessão.

A resposta do César Vallejo foi cruel. Aos 18 minutos, na primeira finalização dos 'poetas', o meia Alejandro Hohberg acertou um chutaço da entrada de área no ângulo de Denis, que voou na bola e não chegou nem perto de alcançar.

O gol foi um baque para o São Paulo, que não conseguiu mais criar jogadas de perigo com tanta facilidade e ainda viu o time peruano quase ampliar duas vezes, primeiro em chute de Daniel Chavez que passou pelo gol tricolor com muito perigo, aos 34 minutos, e em cabeçada de Cardoza que Denis mandou para escanteio, aos 35.

Calleri empataA bronca de 'El Patón' deu certo no intervalo e o São Paulo reencontrou a intensidade do início do jogo, quase empatando a partida com um chute de Hudson que Libman foi buscar, aos 3 minutos.

Aos 10 minutos, para tentar buscar um resultado favorável, Bauza colocou em campo o argentino Jonathan Calleri, destaque do Boca Juniors na temporada passada e contratado por seis meses para ajudar a campanha tricolor na Libertadores.

A jovem promessa não demorou a mostrar a que veio. No primeiro lance em campo, recebeu lançamento de Ganso e encobriu o goleiro Libman, empatando a partida aos 20 minutos.

O empate animou a equipe paulista e, ao mesmo tempo, encolheu em seu campo o modesto clube peruano, que via o empate em casa como lucro.

O que se seguiu foi uma sucessão de gols perdidos pelo São Paulo, que bombardeou o César Vallejo.

Nos acréscimos, Calleri chutou do meio da área e a zaga tirou. No rebote, Ganso tentou, mas os 'poetas' afastaram o perigo novamente.

No último lance do jogo, Carlinhos cruzou e Michel Bastos cabeceou, mas a zaga tirou em cima da linha, o que acabou sendo um bom resumo da partida, na qual o São Paulo foi amplamente superior, mas pecou na pontaria.

Agora, resta ao tricolor colocar o pé na forma para a partida de volta no Morumbi, na semana que vem. Se isso acontecer, a classificação à fase de grupos deverá vir com goleada.

am

Esporte