Astro do beisebol fecha maior contrato da história dos esportes; veja lista

Shohei Ohtani movimentou o mercado da MLB ao trocar de time em Los Angeles, deixando os Angels para assinar com os Dodgers.

O que aconteceu

Ohtani assinou contrato de 10 anos com salário total de U$ 700 milhões (R$ 3,4 bilhões na cotação atual). O valor foi confirmado pela equipe do atleta à ESPN norte-americana. Agente livre no mercado da MLB, o japonês anunciou o acerto com os Dodgers no último sábado (9).

O valor absoluto de U$ 700 milhões é o maior da história de todos os esportes. O contrato de Ohtani supera o recorde estabelecido por Messi. O argentino recebeu 555 milhões de euros (equivalente a U$ 674 milhões na época) em seu último contrato no Barcelona, válido entre 2017 e 2021 — o salário anual do astro do futebol supera o do novo reforço dos Dodgers.

O salário anual de Ohtani é quase o dobro de qualquer outro jogador da MLB. Mike Trout, seu ex-colega de time, detinha o posto de mais bem pago da história da liga: U$ 426,5 milhões por 12 anos de contrato.

Veja os maiores contratos da história do esporte abaixo. Os salários acordados no futebol não costumam vir a público da mesma forma que ocorre nos esportes norte-americanos. Dessa forma, o valor dos contratos de Lionel Messi e Cristiano Ronaldo é baseado em publicações da imprensa internacional, assim como outros que ficaram fora da lista — como Karim Benzema, no Al-Ittihad.

Maiores contratos da história do esporte (em dólares)

  1. Shohei Ohtani, beisebol: U$ 700 milhões em 10 anos (Los Angeles Dodgers)
  2. Lionel Messi, futebol: U$ 674 milhões em quatro anos (2017 a 2021, Barcelona)
  3. Jon Rahm, golfe: U$ 566 milhões por "vários anos" (com a liga LIV Golf)
  4. Cristiano Ronaldo, futebol: U$ 536 milhões em dois anos e meio (Al-Nassr)
  5. Patrick Mahomes, futebol americano: U$ 450 milhões em 10 anos (Kansas City Chiefs)
  6. Mike Trout, beisebol: U$ 426,5 milhões em 12 anos (Los Angeles Angels)
  7. Mookie Betts, beisebol: U$ 365 milhões em 12 anos (Los Angeles Dodgers)
  8. Aaron Judge, beisebol: U$ 360 milhões em nove anos (New York Yankees)
  9. Manny Machado, beisebol: U$ 350 milhões em 11 anos (San Diego Padres)
  10. Francisco Lindor, beisebol: U$ 341 milhões em dez anos (New York Mets)

*o boxeador Canelo Álvarez teve um contrato de U$ 365 milhões assinado com a DAZN em 2018, mas o vínculo foi rescindido em 2020

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes