PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Comitê Organizador diz que conta dos Jogos de Londres-2012 deve fechar sem lucro

Do UOL, em São Paulo

08/02/2013 14h10

O Comitê Organizador das Olimpíadas de Londres-2012 anunciou que o balanço financeiro dos Jogos não deve apresentar lucro. A expectativa da entidade é que tanto despesas quanto faturamento da competição ficam em torno de 2,4 bilhões de libras esterlinas.

A ausência de lucro deve afetar diretamente o Comitê Olímpico Britânico. A entidade esperava receber um excedente de 5 milhões de libras, que serviria para amenizar o déficit financeiro pelo qual passa a organização.

De acordo com o jornal The Guardian, altas premiações a membros do Comitê Organizador influenciaram diretamente na falta de lucro dos Jogos. Presidente executivo de Londres-2012, Paul Deighton teria recebido 1,39 milhão de libras como resultado “da entrega bem sucedida do evento”. Somados os salários, o dirigente embolsou 1,78 milhão de libras.

Relatório divulgado pelo Comitê Organizador afirma que a entidade teve um prejuízo de 53 milhões de libras em 2012, mas possuía uma reserva de 78 milhões de libras no banco. Gastos significativos até junho, porém, impediriam a organização de manter o superávit.

A entidade ainda defendeu a bonificação a Deighton, alegando que o dirigente se comprometeu a doar o valor para caridade. O executivo também teria aberto mão de seus ganhos em seu trabalho como secretário do comércio no Tesouro britânico.

Esporte