PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Lais Souza diz: "Vou voltar a ficar em pé, vai acontecer"

Moacyr Lopes Junior/Folhapress
Imagem: Moacyr Lopes Junior/Folhapress

Do UOL, em São Paulo (SP)

29/01/2019 13h09

Ainda no longo tratamento para tentar recupera os movimentos do corpo, a ex-ginasta Lais Souza esbanjou confiança em entrevista veiculada ao Globo Esporte, da TV Globo, nesta terça-feira (29). Hoje em uma cadeira de rodas após cinco anos do acidente, ocorrido enquanto se preparava para os Jogos Olímpicos de Sochi, a antiga atleta da seleção brasileira da modalidade afirmou que vai voltar a ficar em pé em alguns anos de forma definitiva.

"Nem nos meus piores pesadelos pensei que estaria passando por esta situação, mas nem nos meus melhores sonhos pensei que iria evoluir como mulher desta forma, tendo um olhar mais caridoso para o próximo. Pode-se dizer que melhorei muito como pessoa. Eu me vejo em pé em alguns anos, só não sei quantos, mas vai acontecer", declarou Lais.

A ex-ginasta segue em trabalho intenso de fisioterapia e alcançou resultados satisfatórios nestes cinco anos. Lais até ficou em pé com a ajuda de aparelhos.

Leia mais

Atualmente, ela vive no Espírito Santo com a namorada e o cachorro. Com maior qualidade de vida e as companhias, ela afirma viver um dos melhores momentos desde o acidente, especialmente no lado psicológico.

"Aqui eu me sinto em casa e sei que nunca vou estar sozinha, tenho com quem contar. O cachorro ainda veio em um momento abençoado, ele me tira de casa e me mantém sorrindo. Estou me sentindo bem, mudança mesmo, tanto com meu psicológico quanto com minha vida, venho encontrando o caminho que quero para envelhecer", afirmou Lais, que mira filhos e um futuro ao lado da companheira. 

"Esta preocupação com ele (cachorro) é bacana, é um treinamento para se ter filho mesmo. Ele tem sido um cachorro muito bom para a gente, é uma companhia e supre um pouco as coisas que não posso fazer", completou Lais Souza, cinco anos depois do acidente que interrompeu sua carreira esportiva.

Dia 16/1, Laís postou vídeo em que movimentava o tronco

UOL Esporte

Esporte