PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Sistema defensivo do São Paulo não passa segurança em empate

23/09/2021 09h00


O São Paulo passou por problemas defensivos no empate sem gols contra o América-MG, no Morumbi, pela 19ª rodada do Campeonato Brasileiro. Apesar de ter saído com a defesa intacta, o Tricolor só conseguiu tal feito pela boa partida de Volpi e a má pontaria do time mineiro.

Com o retorno de Miranda e a suspensão de Léo, Crespo colocou o São Paulo no 4-4-2, escalando Galeano na lateral direita, Miranda e Arboleda na zaga e Reinaldo na lateral esquerda, abrindo mão de colocar Bruno Alves e montar um sistema com três defensores.

Logo no começo do jogo, o Tricolor levou sustos do América-MG, que conseguia trocar bons passes, principalmente no buraco entre defesa e meio. Foram três chutes perto da entrada da área em dez minutos, que obrigaram Volpi a fazer boas defesas.

CONFIRA A TABELA ATUALIZADA E SIMULE OS JOGOS DO BRASILEIRÃO DE 2021!

Veio a segunda etapa e a defesa, que já não estava em um dia inspirado, parece que piorou. Reinaldo deu muito espaço para o ponta Ademir, que 'deitou e rolou' na ponta direita, fazendo boas jogadas individuais que resultaram em bons ataques para o time comandado por Vagner Mancini.

O nervosismo tomou conta dos jogadores, o que ficou explícito na discussão entre o goleiro Tiago Volpi e o zagueiro Arboleda após uma boa chance desperdiçada pelo atacante Rodolfo, do América-MG, já no final do jogo. Os cartões amarelos também foram sinal de insegurança, já que dos quatro da linha defensiva, apenas Galeano não recebeu advertência.

Sendo assim, resta a comissão técnica montar um sistema defensivo mais sólido, principalmente em jogadas de contra-ataque do adversário. Se for com dois ou três zagueiros, teremos que aguardar a decisão de Crespo, no próximo sábado, às 21h, no Morumbi, contra o Atlético-MG.

Futebol