PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Gols sofridos nos minutos finais custaram oito pontos ao Palmeiras no Brasileirão

17/01/2021 15h20

O gol sofrido diante do Grêmio, aos 41 minutos do 2º tempo, que decretou o empate em 1 a 1 no Allianz Parque, custou ao Palmeiras uma importante vitória na briga pelo título do Campeonato Brasileiro. Essa, inclusive, não foi a primeira vez que o Verdão deixou escapar pontos preciosos após os 40 minutos da etapa final neste Brasileirão.

>> Confira a classificação atualizada do Brasileirão e faça sua simulação

>> ATUAÇÕES: Weverton e Veiga são os nomes do Palmeiras em empate

Ao todo, a equipe levou cinco gols neste período dos jogos. Destes, todos tiveram influência direta no resultado do jogo - vitória que virou empate ou empate que virou derrota - e fizeram o clube deixar de somar oito pontos, que poderiam dar a liderança ao Palmeiras, que soma partidas a menos do que os rivais. Todos os dados foram pesquisados pelo Nosso Palestra.

25 de agosto - Bahia - Marco Antônio, 49?2ºT- 2 pontos

02 de setembro - Internacional - Thiago Galhardo, 46?2ºT- 1 ponto

20 de setembro - Grêmio - Ferreira, 47?2ºT- 2 pontos

21 de novembro - Goiás - Miguel, 47?2ºT- 1 pontos

15 de janeiro - Grêmio - Diego Souza, 41?2ºT- 2 pontos

Em contrapartida, o Palmiras anotou dois gols após os 40 minutos do 2º tempo. Ambos influenciaram nos resultados e geraram um total de quatro tentos. O primeiro deles foi marcado por Raphael Veiga, na vitória diante do Athletico, em Curitiba. Willian, no triunfo sobre o Red Bull Bragantino, também no primeiro turno, foi o autor do outro.

19 de agosto - Ath. Paranaense - Raphael Veiga, 47?2ºT+ 2 pontos

06 de setembro - RB Bragantino - Willian, 49?2ºT+ 2 pontos

Com exceção dos confrontos diante do Goiás e Grêmio, todas as outras oportunidades em que a equipe foi vazada ou marcou nos minutos finais, quem estava à frente do Palmeiras era Vanderlei Luxemburgo.

Futebol