PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Paulo Autuori assume comando técnico do Athletico que demite Eduardo Barros

23/10/2020 19h46

Eduardo Barros não resistiu a mais um revés na temporada e deixou o comando técnico do Athletico-PR em decisão tomada na última quinta-feira (22).

Como Paulo Autuori já havia sido contratado recentemente para assumir o cargo de diretor técnico e apesar do próprio ter declarado durante sua passagem pelo Botafogo que seria seu último trabalho à beira do gramado, o homem forte do Furacão, Mario Celso Petraglia, esclareceu que ele seguirá como dirigente, acumulando a função de cartola e técnico.

Inicialmente, a previsão é que essa manobra tenha duração até fevereiro de 2021, data de término do Brasileirão.

- Ele (Autuori) não veio para o Athletico-PR para ser treinador. Ele já encerrou sua carreira nesta atividade, e nós também devemos contratar outro profissional. Mas pela situação atual, pelas dificuldades, pela posição que estamos, por estarmos disputando três competições em um ano que não nos preparamos para isso, temos que nos voltar um pouco para dentro e nos prepararmos para 2021. Então chegamos à conclusão que o melhor será que Paulo Autuori acumule essa função até o término dos campeonatos que estamos disputando, especialmente o Brasileirão. O Athletico irá contratar auxiliares para ele, mas o técnico será ele. Em fevereiro contrataremos um treinador de campo e o Autuori ficará exclusivamente dedicado a sua função de diretor técnico - explicou Petraglia.

Além de ter de reabilitar o time no Brasileirão com a péssima campanha feita até aqui (ocupante da zona de rebaixamento em 17º lugar com 16 unidades), o trabalho de Autuori certamente também será no aspecto anímico pensando em confrontos decisivos na Copa do Brasil (enfrenta nas oitavas o Flamengo) e na Copa Libertadores onde terá pela frente, também na fase de oitavas de final, o River Plate.

Futebol