PUBLICIDADE
Topo

Honda compartilha vídeo de Felipe Neto criticando Bolsonaro: 'Verdade'

16/07/2020 12h18

O jornal "New York Times" convidou o influenciador Felipe Neto para opinar sobre as decisões de Jair Bolsonaro, presidente da República, e Donald Trump, presidente dos EUA, durante a pandemia de coronavírus. O vídeo analisando os líderes mundiais viralizou nas rede sociais e chegou aos ouvidos do meia japonês Keisuke Honda, do Botafogo, nesta quarta-feira.

Pelo Twitter, o atleta compartilhou a postagem inicial do jornal estadunidense e afirmou que as falas de Felipe são verdadeiras (disse ele, em inglês. Veja o comentário abaixo). O jogador do Glorioso já se mostrou preocupado com a situação da doença no país e aproveitou as frases em inglês para concordar.

Segundo Felipe Neto, que conta com 38 milhões de inscrito no YouTube, Bolsonaro seria "pior" que Trump porque suas decisões durante a pandemia incentivam a contaminação, apostam em remédios sem retorno confirmado e por Bolsonaro demitir ministros da saúde que descordem das palavras do presidente.

- Trump chama o Bolsonaro de "um bom amigo". Essa amizade é crucial para que Bolsonaro retenha sua popularidade. Ele legitima o Bolsonaro. Vocês são líderes em mortes por Covid-19, e, nesse momento, vocês estão nos liderando para o abismo. O seu presidente tem pequenos clones operando em todo o mundo. Nós somos suas vítimas.

Futebol