PUBLICIDADE
Topo

Esporte

"Desempenho bom, resultado ruim", destaca Diniz após empate do Flu

19/01/2019 22h08

Não foi a estreia dos sonhos para Fernando Diniz. O empate contra o Volta Redonda, neste sábado, no Maracanã, teve gosto amargo na estreia pela Taça Guanabara. Entretanto, nem tudo é para ser jogado fora. O treinador citou o desentrosamento e a ausência dos sete atletas - pela não regularização no BID - às vésperas da partida e identificou erros a serem corrigidos nas próximas rodadas. 

"No primeiro tempo, tivemos uma certa lentidão pra jogar, fruto de um certo desentrosamento. Mas eu gostei do volume de jogo. Eles tiveram dois pênaltis, entregamos um contra-ataque fácil de ser evitado. São erros que são fáceis de correção. Tivemos muita finalização, muita posse, e nesse aspecto gostei da equipe. Com sete desfalques, pelo menos três ou quatro seriam titulares. Ainda perdemos Digão no início da partida", declarou.

Apesar disso, Diniz elogiou o desempenho da equipe e o comportamento da torcida que, apesar das vaias no final da partida, apoiou na maior parte do tempo. O treinador citou também a força de Xerém no elenco do Fluminense ao lembrar que 13 jogadores foram formados nas categorias de base do clube - além de João Pedro, que tem apenas 17 anos. 

"O volume de jogo foi bom no 2º tempo, tivemos muita posse no ataque, bolas pelo lado. O desempenho foi bom, mas o resultado foi ruim. A torcida aplaudiu mais o time que vaiou. A torcida foi fantástica. Outra situação que me alegra muito é que tínhamos 13 jogadores formados em Xerém. O sub-23 era a maioria do time. Ainda lançamos o João Pedro que debutou com 17 anos. A estreia com saldo positivo, sem contar com o resultado, claro", disse. 

Diniz também realizou diversos trocas no meio da partida que confundiram a torcida. Ezequiel de volante, Calazans de meia, Luciano mais recuado. O treinador comentou sobre as trocas e elogiou - principalmente - o centroavante da equipe, que mostrou bom rendimento em outras funções. 

"Pelas dificuldades que tivemos da estreia, foi um time que praticamente que não treinou junto. O Volta Redonda foi um time bem armado, que está treinando desde novembro. Tem um adversário do outro lado. Luciano treinou mais nessa função que jogou no 2º tempo. Ele é muito talentoso, criativo, sabe finalizar, jogar em dois toques, chuta bem de fora da área. Quando ele joga entrelinhas, rende mais", declarou. 

Esporte