PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Andrezinho entra na Justiça contra o Vasco por salários e FGTS atrasados

Paulo Fernandes / Flickr do Vasco
Imagem: Paulo Fernandes / Flickr do Vasco

31/10/2018 19h23

Jogador do Vasco entre os anos de 2015 e 2017, Andrezinho foi mais um que entrou na Justiça contra o clube. Em ação que caiu na 36ª Vara Cível do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro (TJRJ), o volante, por meio da sua empresa Andrezinho Representações Esportivas Ltda, cobra do Cruz-Maltino seis meses de salários atrasados, além de 12 meses de FGTS não pagos até então.

O valor estimado do total da ação gira em R$ 2 milhões. O processo envolve também direito de imagem de Andrezinho no período que esteve no Vasco, além de indenização por dano material e correção monetária pelo inadimplemento. O processo no TJRJ ainda está em fase inicial, com uma decisão esperada apenas para o início de 2019. O Vasco ainda não foi intimado para se posicionar nos autos, onde deverá recorrer ou pleitear um acordo.

Andrezinho defendeu o Nova Iguaçu no começo do ano, mas deixou o clube em março. Durante o período que defendeu as cores do Vasco, o volante entrou em campo 90 vezes - sendo 45 vitórias, 22 empates e 23 derrotas -, marcando oito gols.

Esporte