PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Com gol de Willian, Chelsea goleia Burnley fora e segue na briga pela ponta

Willian marcou o terceiro gol do Chelsea contra o Burnley - Lindsey Parnaby/AFP
Willian marcou o terceiro gol do Chelsea contra o Burnley Imagem: Lindsey Parnaby/AFP

28/10/2018 11h30

O Chelsea manteve a boa fase no Campeonato Inglês e goleou o Burnley por 4 a 0, fora de casa. A equipe não sentiu a falta de Hazard, com lesão nas costas, para construir com facilidade o placar. Morata, Barkley, Willian e Loftus-Cheek anotaram os gols do triunfo. 

A liderança da Premier League é do Liverpool, com 26 pontos. O Chelsea assumiu a segunda colocação, com 24. O Manchester City, que encara o Tottenham nesta segunda-feira, tem 23. 

Em casa, o Burnley até se mostrou ofensivo no início, tentando buscar espaços na defesa do Chelsea. Aos poucos, os visitantes foram chegando com perigo, como quando Willian acertou a trave de Hart. O ex-goleiro do City, contudo, nada pôde fazer quando Morata recebeu passe açucarado de Barkley para abrir o placar.

Pouco tempo depois, o Chelsea perdeu Pedro, o substituto de Hazard, que saiu lesionado. Loftus-Cheek entrou em seu lugar, mas os londrinos não sentiram e seguiram em cima.

No segundo tempo, o domínio do Chelsea foi ainda maior. O Burnley até conseguia segurar as penetrações dos jogadores em sua área, mas acabava dando espaço para chutes de longe. Em dois deles, os visitantes ampliaram.

Aos 12, Barkley arriscou de longe e mandou no cantinho de Hart. Cinco minutos depois, foi a vez de Willian chutar de fora da área. Mais uma vez, o goleiro não chegou.

Com grande vantagem no placar, o Chelsea diminuiu o ritmo, o que não atrapalhou suas jogadas ofensivas. Hart operou milagre em finalização de Giroud. Em seguida, contudo, ele não teve o que fazer quando Loftus-Cheek arrematou cara a cara e fechou a goleada.

Arsenal empata

No Selhurst Park, o Arsenal esteve perto de conquistar a oitava vitória consecutiva no Campeonato Inglês.Mas o time londrino levou um gol no fim e ficou no 2 a 2 com o Crystal Palace.

No fim do primeiro tempo, Milivojevic abriu o placar para o Palace, de pênalti. O Arsenal virou rapidamente nos primeiros minutos da etapa final. O primeiro foi um lindo gol de falta de Xhaka. Hennessey ainda tocou na bola, que foi no ângulo.

A virada saiu aos 11 de forma polêmica. Após cruzamento da direita, Lacazette desviou com a mão e a bola sobrou para Aubameyang marcar. O juiz validou o lance, para desespero dos jogadores do Palace.

Contudo, aos 38, mais um pênalti a favor do time da casa. Novamente Milivojevic foi para a cobrança e não deu chances para Leno. Com o resultado, o Arsenal soma 22 pontos, na quarta colocação.

Esporte