PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Odair Hellmann ataca a arbitragem após empate indigesto no Beira-Rio

22/10/2018 22h50

O clima na entrevista coletiva de Odair Hellmann foi quente. Inconformado com o gol anulado de Leandro Damião, o comandante do Internacional disparou contra a arbitragem de Ricardo Marques.

'Saio triste daqui hoje, porque eu tô fazendo o meu primeiro trabalho como treinador profissional no futebol brasileiro, é difícil demais de aceitar isso. Eu e meus jogadores erramos e reconhecemos. Não pode levar 7 minutos pra tomar a decisão. Não pode esperar 7 minutos pra decidir alguma coisa, aguardando um fato externo. Eu saio daqui muito triste e não posso deixar de pontuar. Quando foi ao nosso favor, eu reconheci aqui na frente de vocês. Eu, como comandante da equipe, saio daqui triste. Vou chegar em casa e não vou conseguir dormir. Amanhã vamos seguir em frente, pensar no Vasco e treinar muito', afirmou.

Visivelmente chateado, Hellmann falou sobre a falha no segundo gol do Santos, quando Fabiano e Marcelo Lomba se desentenderam na pequena área.

'Nós fomos melhores na parte final do primeiro tempo e voltamos bem. Sofremos um gol em que acontece, faz parte do futebol. Os jogadores não trabalham para que isso aconteça, foi uma indecisão. Aqui é um grupo muito consolidado e forte, por isso todos comemoram juntos. Nós fizemos uma grande partida, foi um grande jogo de futebol. Ainda estamos invictos em casa, e faltam 8 jogos para terminar o campeonato'.

Após 30 rodadas, o Internacional está com 57 pontos e volta a campo na próxima seta-feira, contra o Vasco da Gama, em São Januário.

Esporte