PUBLICIDADE
Topo

Esporte

PSV e Benfica aplicam goleadas, e se classificam na Liga dos Campeões

29/08/2018 18h27

Acabou! As preliminares para a fase de grupos para a Liga dos Campeões está encerrada e com grandes times classificados. Nesta quarta-feira, o PSV Eindhoven goleou o BATE Borisov (CPR), dentro de casa, por 3 a 0. Já na Grécia, o Benfica não tomou conhecimento do PAOK e aplicou um sonoro 4 a 1, para garantir a vaga. Na Austria, o RB Salzburg foi eliminado pelo Estrela Vermelha, ao empatar a partida por 2 a 2.

NA HOLANDA...

Com a vantagem de jogar pelo empate após vencer por 3 a 2 no Chipre, o PSV Eindhoven não teve dificuldades para despachar o BATE Borisov para casa. Com apenas 14 minutos de partida, após lateral cobrado para área, Steven Bergwijn finalizou com força para abrir o placar.

Ainda no primeiro tempo, os holandeses dobraram o placar com De Jong subiu bonito e mais alto que todos os defensores do BATE, para cabecear com categoria. Já na segunda etapa, com ampla vantagem no placar e na partida, o mexicano Hirving Lozano, em linda jogada individual, deu números finais ao confronto com um belo gol.

FORA DE CASA, BENFICA CALA GREGOS

O PAOK até que começou a partida bem. Com apenas 13 minutos, os gregos abriram o placar com Prijovic, depois de linda jogada ensaiada. Mas o que se iniciou como felicidade, acabou com melancolia. O Benfica, de cabeça, empatou a partida com o zagueiro Jardel, apenas sete minutos mais tarde.

O lance da partida veio aos 26 minutos, quando o goleiro do PAOK, Paschalakis, tentou evitar a saída de bola pela linha de fundo e deixou a bola nos pés de Cervi. Na tentativa de consertar o erro, cometeu o pênalti que tirou as esperanças da equipe grega, já que Salvio converteu a penalidade.

Para fechar o pesadelo da primeira etapa para o PAOK, o Benfica se aproveitou da instabilidade psicológica após o erro do goleiro adversário e aumentou a vantagem com o argentino Pizzi, com belo chute da entrada da área. Na segunda etapa, Salvio, de novo de pênalti, fechou a goleada.

TABU SE MANTÉM NA ÁUSTRIA

Após dez tentativas falhas de se classficar para fase de grupos da Champions, o Salzburg teve a maior chance possível para conseguir tal feito. Os austríacos saíram na frente e abriram 2 a 0 com dois gols de Dabbur. Entretanto, o Estrela Vermelha surpreendeu e conseguiu empatar a partida com dois gols em dois minutos e acabou com o sonho do Salzburg. A classificação ficou com o time sérvio por conta dos gols marcados fora de casa, já que a partida de ida acabou com um empate sem gols

O sorteio de definição dos grupos acontece nesta quinta-feira, 13h.

Esporte