PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Sem 'selecionáveis', Fla terá problema no meio de campo na Copa do Brasil

28/08/2018 12h00

No dia 12 de setembro, no Maracanã, o Flamengo receberá o Corinthians no jogo de ida da Copa do Brasil. Ao que tudo indica, o Rubro-Negro não terá dois de seus principais nomes para o confronto: Gustavo Cuéllar e Lucas Paquetá, titulares absolutos na equipe de Maurício Barbieri e ambos convocados para disputarem amistosos nos Estados Unidos por suas respectivas seleções.

O Brasil, do técnico Tite, enfrentará os Estados Unidos e El Salvador nos dias 7 e 11 de setembro, respectivamente. Nas mesmas datas, a Colômbia, comandada interinamente por Arturo Reyes, terá pela frente a Venezuela e a Argentina.

Os segundos amistosos de cada seleção acontecerão 24h antes do jogo entre Flamengo e Corinthians, no Rio de Janeiro. O clube da Gávea avalia contar com os dois jogadores, mas a logística não é simples e, no momento, a possibilidade é pequena de Paquetá e Cuéllar estarem à diposição de Barbieri para a partida. Contra a Chapecense, pelo Brasileirão no dia 8 de setembro, serão duas baixas.

RESERVA IMEDIATO DE CUÉLLAR TAMBÉM ESTÁ FORA

A ausência de Cuéllar, por si só, já um problema para o técnico do Flamengo. O jogador é um dos principais nomes do time na temporada, destacando-se com os desarmes e o aproveitamento nos passes. Mas a dor de cabeça para Barbieri não vai parar por aí. Reserva imediato do colombiano, o volante Piris da Motta também não estará à disposição para as semifinais contra o Corinthians.

Um dos três reforços contratados pelo clube da Gávea para o segundo semestre, o paraguaio não chegou a tempo de ser inscrito na Copa do Brasil.

SEM CONVENCER NO FLA, RÔMULO É A PRINCIPAL OPÇÃO

Sem Cuéllar e Piris da Motta, Maurício Barbieri deve recorrer a Rômulo diante do Corinthians no jogo de ida. O volante não tem recebido muitas chances e, desde que chegou à Gávea, ainda não rendeu o esperado, mas é quem tem características mais parecidas com os dois estrangeiros. Outra possibilidade é uma mudança no esquema ou a improvisação de uma zagueiro na função.

Levando em consideração apenas o Brasileirão, Copa do Brasil e Libertadores, Rômulo só atuou em cinco partidas, sendo uma vez titular do Fla em 2018.

As outras opções para o setor são os meias Willian Arão, Jean Lucas e Ronaldo.

Esporte