PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Coréia do Sul vence Uzbequistão e Son pode escapar de serviço militar

27/08/2018 15h01

A esperança de Son Heung-Min em escapar do serviço militar obrigatório e voltar ao Tottenham continua viva. Nesta segunda, a Coreia do Sul conseguiu mais uma vitoria nos jogos asiáticos, dessa vez contra o Uzbequistão, e agora está nas semifinais da competição. Se conquistar a medalha de ouro, o jogador estará livre do alistamento para as forças armadas do país.

Contudo, quase que essa esperança caiu por terra nesta manhã, isso porque a partida realizada no Patriot Candrabhaga Stadium, na Indonésia, teve altos níveis de dramaticidade. Durante os 90 minutos ficou tudo empatado, em 3 a 3, com direito a hat-trick do atacante Hwang Ui-jo. No segundo tempo da prorrogação, os sul-coreanos conseguiram o gol de desempate, aos 12 minutos, com Hwang Hee-Chan, que classificou o país para a semifinal.

Na próxima fase do torneio, os sul-coreanos enfrentarão o Vietnã, que derrotou a Síria também nesta segunda por 1 a 0 na prorrogação. Pela constituição vigente no país, todo cidadão precisa servir ao exército até chegar aos 28 anos de idade, com exceção daqueles que, como atletas, conquistem alguma honraria defendendo as cores do país. Esta é a última oportunidade de Son conseguir essa liberação, já que tem 26 anos e chegará para os Jogos Olímpicos de 2020 com a idade estourada.

Esporte