PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Ralf defende Loss, cita Tolima e diz que Timão toma muitos 'gols bobos'

23/08/2018 13h26

O volante Ralf, um dos jogadores mais experientes do grupo, foi o responsável por falar em nome do grupo do Corinthians no retorno a São Paulo nesta quinta-feira. No desembarque no aeroporto de Guarulhos após a derrota de 1 a 0 para o Fluminense no Maracanã, Ralf disse que é momento de o elenco se fechar ainda mais e citou a recuperação após a eliminação para o Tolima (COL) na pré-Libertadores 2011. A queda inédita no futebol brasileiro abriu espaço para uma reviravolta que levou o Timão a ganhar tudo depois.

- Não que estava faltando união, é que quando se perde, a cobrança é sempre maior. Temos de nos fechar ainda mais. Já revertemos situações adversas, como foi contra o Tolima, e depois conquistamos tudo. Então tem de estar mais focados - afirmou Ralf, sempre com poucas palavras.

O volante também minimizou as críticas ao técnico Osmar Loss, que tem trabalhado sob pressão. Ele dividiu a responsabilidade com o elenco. Vale lembrar que após a partida o presidente Andrés Sanchez cobrou melhor desempenho dos jogadores.

- Não que ele perdeu a mão, quando a vitória não vem, é fácil achar culpado. Não é o treinador que é culpado, não tem culpado. Claro que ele escala os 11, a responsabilidade cai maior nele, mas temos de ajudar o treinador - analisou.

Sobre a fase ruim do time, que está há quatro jogos sem vencer no Campeonato Brasileiro, Ralf fez um diagnóstico direto: o time está tomando "gols bobos". Contra o Flu, o lance saiu após uma bola parada, em que Pedro escorou na área para Gum marcar.

- A gente está tomando muito gol bobo. Não tomava gol e agora toma gol bobo. Precisamos acertar para não tomar mais esses gols bobos - disse Ralf, que também afastou o pensamento sobre rebaixamento.

Com a derrota, o Corinthians caiu para a 8ª posição, com 26 pontos, sete a mais do que o Vitória, primeiro do Z4.

- Nossa preocupação não é essa, de rebaixamento. É melhorar nossa performance e tentar conseguir as vitórias. Agora que virou a página, precisamos melhorar cada vez mais e sair dessa situação.

O Corinthians volta a treinar com a presença da imprensa nesta sexta-feira no CT Joaquim Grava. No sábado, recebe o Paraná na Arena às 19h30 pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Esporte