PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Com México e Brasil campeões, Neymar joga finais em seu Instituto

21/07/2018 15h40

O atacante Neymar participou neste sábado da final do torneio amador Neymar Jr's Five, em seu Instituto, na Praia Grande, e foi ovacionado pelas crianças presentes no local. A competição de cinco contra cinco terminou com o Brasil campeão na categoria feminina, após vitória sobre a Itália, e com México campeão na masculina, depois de bater a Argentina. O lateral-direito Dani Alves, que ainda se recupera de uma cirurgia no joelho direito, também participou do evento, dando o pontapé inicial nas partidas finais.

Antes da bola rolar, Neymar discursou para os presentes, agradecendo pela chance de poder realizar o torneio e levou a criançada à loucura. O craque disputou uma partida com os campeões mexicanos, que demonstraram certo distanciamento do craque no começo - o time do Deportivo Mago já havia falado sobre o descontentamento com a postura do atacante durante a Copa do Mundo da Rússia, da qual o México acabou eliminado após derrota por 2 a 0 para a Seleção Brasileira.

Antes da final contra os Emirados Árabes, os garotos mexicanos não cumprimentaram o jogador, que estava na beira do gramado com amigos. Depois, aos poucos, o gelo foi sendo quebrado. Embora os mexicanos tenham preferido tietar mais o lateral Dani Alves, que chegou a cantar junto com os campeões a música Cielito Lindo (céu lindo, em espanhol).

- Eu falei para o Neymar que se ele quer ser o melhor do mundo precisa parar de se jogar no chão e fazer encenação. Ele abriu um sorriso e foi muito simpático comigo. Isso basta. É um sonho viver tudo isso. Neymar é espetacular, não tenho o que dizer - ponderou Benjamin González, capitão do time mexicano.

Neymar pai também esteve presente na arquibancada do torneio e acompanhou de perto o desempenho do neto, Davi Lucca, nos gramados. O garoto brincou com os jogadores e chegou a roubar a cena durante os jogos festivos após as finais - ele chegou a ser tietado por alguns dos presentes e posou para fotos.

As jogadoras Erica, do Paris Saint-Germain, Andressa Alves, do Barcelona, e Alline Calandrini, do Corinthians, disputaram, ao lado de Neymar, um jogo contra as campeãs do time Resenha 013, de Santos - foi o primeiro ano com a categoria feminina no torneio que reuniu jovens do mundo inteiro. Gabriel Jesus, do Manchester City, também participaria, mas operou o septo nasal e desfalcou o evento.

Os vencedores ganharam uma viagem a Paris para se encontrarem com o jogador do Paris Saint-Germain e conhecerem as dependências do clube.

Esporte