PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Nascimento do filho ou jogar as oitavas? Capitão sueco revela opção

29/06/2018 13h21

Autor de dois gols de pênalti nesta Copa do Mundo, o zagueiro e capitão da seleção sueca, Granqvist, viverá um misto de emoções nesta terça-feira. Isso porque, o segundo filho do defensor está previsto para nascer justamente no mesmo dia em que a Suécia enfrenta a Suíça pelas oitavas de final do Mundial.

No entanto, segundo palavras do próprio, Granqvist não deve retornar à Suécia e seguirá com a delegação comandada por Janne Andersson. E se justifica.

- É muito difícil ir para casa quando se tem um jogo de oitavas de final para disputar. Discutimos isso abertamente, mas, parece que não é necessário voltar para casa - disse.

- Até agora nada aconteceu. Minha esposa é muito forte e tem muitas queridas pessoas por perto - completou.

O duelo entre Suécia e Suíça será realizado às 11h (de Brasília) desta terça-feira, em São Petersburgo. Os suecos terminaram o Grupo F na primeira colocação, deixando a Alemanha pelo caminho. Os suíços, por sua vez, se classificaram em segundo no Grupo F, no qual o Brasileiro avançou como líder.

Esporte