PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Após falência, Parma luta pelo terceiro acesso seguido na Itália

Bons tempos: Adriano Imperador vestiu a camisa do Parma de 2002 a 2004 - Claudio Papi/Reuters
Bons tempos: Adriano Imperador vestiu a camisa do Parma de 2002 a 2004 Imagem: Claudio Papi/Reuters

20/04/2018 07h20

O Parma segue sua reconstrução para voltar a ser grande no Calcio. A tradicional equipe italiana teve decretada falência em 2015 e foi rebaixada à Quarta Divisão. Dois anos depois, os Gialloblù buscam o terceiro acesso seguido para se juntar aos gigantes do país.

Na Segunda Divisão da Itália, dois times sobem diretamente, enquanto seis disputam um playoff para definir o terceiro classificado à elite. Uma vaga é praticamente certa do Empoli, que está 11 pontos distante do vice-líder, faltando seis rodadas para o fim da competição. O Parma, por sua vez, briga com unhas e dentes pelo segundo lugar.

Atualmente, os Gialloblù estão em quarto, com 60 pontos, dois a menos que o vice-líder Frosinone. O oitavo colocado, último time classificado para o playoff é o Cittadella, que soma 52. O Parma ainda vai jogar contra o Carpi, Pro Vercelli, Ternana, Cesena, Bari e Spezia na Série B.

Veja os oito primeiros da Série B italiana: Empoli (73), Frosinone (62), Palermo (60), Parma (60), Perugia (57), Bari (56), Venezia (54) e Cittadella (52). Times como Foggia (50), Carpi (49) e Spezia (47) ainda lutam por um lugar ao sol.

Na parte inferior da tabela, três times são rebaixados automaticamente (dois deles ainda enfrentam o Parma) e outros dois disputam um playoff com concorrentes da Terceira Divisão, que é dividida em três grupos. Os líderes avançam diretamente.

Veja a classificação dos cinco últimos: Cesena (38), Entella (37), Ascoli (36), Ternana (34) e Pro Vercelli (34). Já Novara (40), Avellino (40) e Pescara (39) precisam abrir o olho contra o rebaixamento.

Esporte