PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Confira o retrospecto dos clubes brasileiros na Libertadores até agora

19/04/2018 12h15

A Libertadores chega em sua 3ª rodada e começa a ficar decisiva para alguns clubes. Grêmio e Corinthians vivem momentos mais tranquilos na competição, Palmeiras e Santos são líderes de seus grupos, mas fazem jogos decisivos. O Flamengo empatou duas em casa e aumentou a pressão sobre seu elenco. Cruzeiro e Vasco fizeram apenas um ponto e precisam da vitória.

Grêmio

Atual campeão da Libertadores, o Grêmio é o segundo colocado do Grupo A. Foram dois empates e uma vitória, cinco pontos em três jogos. A vantagem do Grêmio é que dos três jogos restantes, dois são em casa. O Imortal fez bons jogos contra os times mais fortes do grupo. Na estreia, contra o Defensor, um empate em um a um, com o Grêmio jogando melhor e cedendo o empate.

Contra o Cerro Porteño, fora de casa, um jogo truncado e um empate em 0 a 0, com ótima atuação de Marcelo Grohe. A única vitória veio em casa, contra o Monagas, um sonoro 4 a 0, com gols de Jael, Cícero, Luan e Everton. O detalhe é que os quatro gols foram feitos no segundo tempo. No primeiro, o Grêmio não jogou bem e teve a atenção chamada pelo comandante Renato Gaúcho. A bronca fez efeito e a equipe deslanchou.

Com grandes nomes no elenco e um time com estilo de jogo próprio e bem definido, o Grêmio venceu na estreia do Brasileiro, outro time de Libertadores: o Cruzeiro, por 2 a 1. Com grandes nomes do porte de Luan, Geromel, Marcelo Grohe e Arthur, além de Renato Gaúcho no comando, o Tricolor tem tudo para fazer bons jogos em casa e se classificar com tranquilidade.

Próximos Jogos:

. Grêmio x Cerro Porteño (01/05, Arena do Grêmio, 19:15)

. Monagas x Grêmio (15/05, Monumental de Maturín, 21:30)

. Grêmio x Defensor (23/05, Arena do Grêmio, 19:50)

Flamengo

O momento do Flamengo, talvez, seja um dos mais instáveis entre os brasileiros. O empate contra o Santa Fé, por 1 a 1, em casa, nesta quarta-feira, ligou o sinal de alerta da torcida rubro-negra. Com fracassos recentes nas principais competições disputadas, o clube sofre com as críticas a administração em relação ao futebol, principalmente com fortes críticas ao elenco.

O empate com o Santa Fé, um dos mais fracos do Grupo 4, foi o segundo deslize em casa. Na estreia, contra o RIver Plate, o Flamengo esteve duas vezes a frente do placar, mas cedeu o empate nos momentos finais do jogo, atuando no Estádio Nilton Santos. Na ocasião, Everton (hoje no São Paulo) e Rodrigo Dourado fizeram os gols do Flamengo.

O melhor jogo do clube carioca na competição foi contra o Emelec, fora de casa. O Flamengo ganhou por 2 a 0, com dois gols da joia Vinicius Júnior, que do banco, entrou no segundo tempo e decidiu o jogo.

A vitória foi a única até agora, com cinco pontos em três jogos, o Flamengo tem campanha semelhante a do Grêmio, mas como não pontuou em casa, vai ter que decidir fora, o que é sempre complicado na Libertadores. Esse fator somado com a instabilidade e pressão que o clube vive, pode ser decisivo na campanha do rubro-negro. O Flamengo faz o último jogo da fase de classificação contra o River Plate, no Monumental de Núñez.

Próximos Jogos:

. Santa Fé x Flamengo (25/04, El Campín, 21:45)

. Flamengo x Emelec (16/05, Maracanã, 21:45)

. River Plate x Flamengo (23/05, Monumental de Núñez, 21:45)

Vasco

O Vasco vive um momento decisivo na Libertadores. Após uma estreia péssima, quando perdeu por 1 a 0, do Universidad do Chile, jogando em São Januário, o Vasco enfrenta o Racing, nesta quinta-feira, às 19:18, no El Cilindro.

A estreia do Vasco, porém, não foi contra o Universidad do Chile, antes o Cruzmaltino disputou a fase inicial, que decidia se iria ou não disputar a fase de grupos. No primeiro jogo da Pré-Libertadores, venceu com facilidade o Universidad de Concepcion, no placar agregado de 6 a 0. Destaque para Paulinho, que na vitória por 2 a 0, no jogo de volta, se tornou o jogador mais jovem a marcar na competição com a camisa vascaína.

No segundo jogo, contra o Jorge Wilstermann, o Vasco fez uma partida perfeita no jogo de ida: 4 a 0, em São Januário, com gols de Paulão, Rildo, Pikachu e Paulinho. No jogo de volta, o Jorge Wilstermann se aproveitou da altitude e repetiu o placar. Com uma defesa instável, o Vasco teve que disputar a classificação nos pênaltis. Martin Silva brilhou e o cruzmaltino avançou na competição.

Na estreia no Grupo 5, a defesa voltou a mostrar instabilidade e o resultado contra o Universidad do Chile não foi positivo. No segundo jogo da fase de grupos, o Vasco viajou para Minas Gerais e fez uma grande partida contra o Cruzeiro.

Em jogo equilibrado e com boa atuação defensiva, conseguiu segurar o jogo, além de ter momentos em que podia ter marcado o gol. O 0 a 0 foi o primeiro ponto do clube na competição. Com um ponto em dois jogos, todos os próximos jogos são importantes. O Vasco faz dois jogos em casa, contra Racing e Cruzeiro, a última partida é contra o Universidad do Chile, fora de casa.

Próximos Jogos:

?. Racing x Vasco (nesta quinta-feira, El Cilindro, 19:15)

. Vasco x Racing (26/04, São Januário, 21:30)

. Vasco x Cruzeiro (02/05, São Januário, 21:45)

. Universidad do Chile x Vasco (22/05, Estádio Nacional, 21:30)

Cruzeiro

Com um dos melhores elencos da competição, o Cruzeiro estreou com derrota para o Racing, fora de casa, por 4 a 2, com três gols de Láutaro Martinez, uma das principais revelações da Libertadores. A derrota fez com que o Cruzeiro ligasse o sinal de alerta, tendo em vista que está em um dos grupos mais difíceis da competição.

O segundo jogo, contra o Vasco em casa, a vitória era essencial. Porém, apesar de um jogo equilibrado e com boas chances, a Raposa não saiu do zero com o Vasco. O próximo jogo é nesta quinta-feira, contra o Universidad do Chile, fora de casa, às 21:30. A partida é importantíssima para as pretensões do Cruzeiro em se classificar para a fase eliminatória.

A vitória pode deixar o grupo aberto e todos com chances de classificação. Nesse meio tempo, o Cruzeiro venceu o principal rival na final do Campeonato Mineiro. A vitória contra o Atlético-MG deu moral para a equipe, mas a derrota na estreia do Brasileiro contra o Grêmio, aumentou a pressão para o jogo desta quinta-feira. Irregular, o Cruzeiro precisa da vitória para se estabelecer no Grupo 5 e na temporada.

Próximos Jogos:

. Universidad do Chile x Cruzeiro (19/04, Santiago (Nacional), 21:30)

. Cruzeiro x Universidad do Chile (26/04, Mineirão, 19:15)

. Vasco x Cruzeiro (02/05, São Januário, 21:45)

. Cruzeiro x Racing (22;05, Mineirão, 21:30)

Santos

O Santos começou um trabalho novo nesta temporada. Jair Ventura assumiu o Peixe no início deste ano e alguns jogadores foram embora, como Lucas Lima e outros chegaram, como Eduardo Sasha. O técnico Jair Ventura sabe mesclar jovens jogadores com experientes, a mistura com o Santos, uma das melhores bases do país, tem dado certo. Um dos exemplos é o surgimento de Rodrygo, de 17 anos. O retorno de Gabigol também foi um dos trunfos do Santos no ano.

A estreia na Libertadores foi difícil, ainda em formação, o Santos não conseguiu jogar na altitude e perdeu para o Real Garcilaso, por 2 a 0, com gols de Ramúa e Vidales. Na sequência, o Santos conseguiu encaixar seu jogo e venceu com propriedade, o tradicional Nacional, por 3 a 1, com gols de Sasha (2) e Rodrygo. A notícia ruim ficou com a expulsão de Gabigol.

O grupo do Santos, além do Nacional, tem o Estudiantes, outro grande clube da história da competição. Em uma das partidas mais importantes do ano, o Santos viajou até a Argentina e venceu o Estudiantes por 1 a 0, com gol de Arthur Gomes. O goleiro Vanderlei, porém, foi o melhor em campo, com quatro defesas a queima roupa e garantindo o resultado.

No Paulistão, o Santos foi eliminado nas semifinais, pelo Palmeiras e teve mais tempo para treinar para a Libertadores. A vitória contra o Estudiantes, deu uma folga na classificação e o Santos é o líder do Grupo 6 com seis pontos, com duas vitórias e uma derrota.

Próximos Jogos:

. Santos x Estudiantes (24/04, Vila Belmiro, 21:30)

. Nacional x Santos (01/05, Parque Central, 21:30)

. Santos x Real Garcilaso (24/05, Pacaembu, 19:15)

Corinthians

O Corinthians é um dos times mais regulares do Brasil dos últimos anos. Mantendo sempre o seu padrão de jogo, independente do adversário, o Timão vai bem na Libertadores.

Na estreia, um empate em 0 a 0, fora de casa com o Millionários. Com estratégia bem definida, o clube paulista defendeu no primeiro tempo e atacou no segundo, mas não conseguiu abrir o placar.

Na sequência, vitória em casa, contra o Deportivo Lara, sem chances para zebras. Emerson Sheik, um dos remanescentes do título da Libertadores de 2011, fez gol e Pernía, contra, completou o placar.

Embalado, o Corinthians teve uma grande vitória fora de casa, contra o Independiente, nesta quarta-feira, com gol de Jadson, nos minutos finais da partida. Com 7 pontos em 3 jogos, o Corinthians tem a melhor defesa e não sofreu nenhum gol. O Timão faz dois jogos em casa, contra o Independiente e Millionários. Líder do Grupo 7, o Corinthians tem tudo para se classificar com tranquilidade.

Próximos Jogos:

. Corinthians x Independiente (02/05, Arena, 21:45)

. Deportivo Lara x Corinthians (17/05, Metropolitano de Lara, 21:30)

. Corinthians x Millionários (24/05, Arena, 21:30)

Palmeiras

Com um elenco caro e cheio de opções, um dos principais objetivos do Palmeiras na temporada é a conquista da sua segunda Libertadores. A primeira partida, uma vitória expressiva fora de casa: 3 a 0, contra o Júnior Barranquilla, com dois gols de Bruno Henrique e um de Borja.

Na segunda partida, o Palmeiras recebeu o Alianza Lima e venceu mais uma. Com gols de Thiago Martins e Borja, venceu tranquilamente o clube peruano por 2 a 0. Até então, a campanha era perfeita e sem motivos para cobranças e dúvidas. Porém, o Palmeiras não conseguiu manter o 100% de aproveitamento, justamente em um dos jogos que poderia, praticamente, definir o Grupo 8.

Contra o time mais difícil do grupo, o Palmeiras recebeu o Boca Júniors e abriu o placar já nos últimos minutos da partida. Porém, com um erro defensivo, Carlitos Tévez empatou logo depois e sacramentou o resultado. A partida era importante justamente porque, dos três próximos jogos do Palmeiras, dois vão ser fora de casa, contra o Boca e o Allianza Lima.

A boa notícia é que o Porco fecha a fase de grupo, jogando em casa, contra o Júnior Barranquilla, time que fora de casa, goleou por 3 a 0. O Palmeiras é o líder do grupo, com 7 pontos, mas os próximos jogos vão ser decisivos para a classificação.

Próximos Jogos:

. Boca Júniors x Palmeiras (25/04, La Bombonera, 21:45)

. Alizana Lima x Palmeiras (03/05, Alejandro Villanueva, 21:30)

. Palmeiras x Júnior Barranquilla (16/05, Arena Palmeiras, 21:45)

?

Esporte