PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Roger confirma Michel Bastos titular e explica motivos da escolha

23/02/2018 15h13

Roger Machado confirmou nesta sexta-feira o que os treinos já vinham indicando: Michel Bastos superou a concorrência de Victor Luis e, neste momento, é o titular da lateral esquerda do Palmeiras. Foi assim nos últimos três jogos e será assim no clássico contra o Corinthians, às 17h deste sábado, em Itaquera.

- Para este jogo, para esta sequência, o Michel tem sido titular. Eu tenho 30 jogadores. Assim como estou treinador do Palmeiras, eles estão titulares, até que eu, pela necessidade ou pelo desempenho, possa alterar - explicou o treinador, que não quis confirmar textualmente os 11 escolhidos, mas deu a entender que serão os mesmos dos últimos treinos.

A provável formação tem Jailson, Marcos Rocha, Antônio Carlos, Thiago Martins e Michel Bastos; Felipe Melo; Willian, Lucas Lima, Tchê Tchê e Dudu; Borja.

Sobre a lateral esquerda, Roger explicou que Victor Luis não foi sacado por estar jogando mal. Michel levou vantagem pelas características e pela capacidade de auxiliar Dudu nas jogadas ofensivas.

- No meu ponto de vista, você não troca um jogador só porque jogou mal ou não atuou adequadamente. Posso mudar a característica da função. Neste momento o que eu quero com o Michel é mudar a característica da função. O Victor é um jogador de força, que ataca a profundidade, e o Michel faz jogo apoiado, diferente do Victor. Quero um equilíbrio um pouco maior dos dois lados do campo. Não sei se deu para perceber a sutil diferença no último jogo, de o Lucas ficar mais no lado direito, e o Tchê Tchê do lado esquerdo, para dar um apoio de jogo técnico ao Dudu - explicou Roger.

- A ideia com o Michel é ter um jogo mais apoiado. O Lucas gosta de jogar mais do meio para o lado direito, o Tchê Tchê tem facilidade para jogar dos dois lados. Quando tínhamos a bola, o Dudu não tinha a companhia para criar jogadas.

Victor Luis foi titular nos três primeiros jogos da temporada (Santo André, Botafogo-SP e Red Bull), foi poupado contra o Bragantino (Michel Bastos jogou) e retornou diante do Santos. Contra Mirassol, Linense e Ponte Preta, o titular foi Michel. O camisa 15 foi sacado no intervalo do jogo em Campinas, mas Roger avisou que não foi por deficiência técnica.

- No último jogo eu tirei o Michel Bastos não porque ele jogou mal. Eu não acho que ele tenha jogado mal. Tirei porque ele tinha cartão e estava marcando um jogador rápido. E o Victor entrou bem, realmente.

Esporte