PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Borja vive sua maior sequência de jogos como titular no Palmeiras

Marcello Zambrana/AGIF
Imagem: Marcello Zambrana/AGIF

18/02/2018 08h00

Uma das maiores reivindicações de Miguel Borja em 2017 era por uma sequência de jogos como titular. Roger Machado, técnico que o colombiano considera um enviado de Deus em sua vida, está atendendo ao pedido neste início de temporada: o escalou em todos os jogos e tem recebido gols em troca.

Às 19h30 deste domingo, contra a Ponte Preta, no Moisés Lucarelli, Borja completará seu oitavo jogo seguido como titular do Palmeiras - a não ser que o técnico decida poupá-lo. Essa sequência já é a maior dele pelo clube.

Antes dessa, a maior série de partidas como titular aconteceu em abril do ano passado, com seis jogos: dois contra o Novorizontino, dois contra o Peñarol e dois contra a Ponte Preta. Foram dois gols no período.

Essa sequência só não foi maior porque o centroavante foi desfalque em três partidas para defender a seleção colombiana. Se esses jogos forem tirados da conta, é possível dizer que Eduardo Baptista o escalou como titular oito vezes seguidas, algo que será igualado por Roger Machado neste domingo.

Com Cuca, o camisa 9 não conseguiu ter sequência e chegou a ficar dois meses e meio sem iniciar uma partida, entre os dias 6 de agosto e 22 de outubro.

Borja também pode igualar sua maior série de jogos completos. Por enquanto, o recorde é de quatro jogos seguidos sem ser substituído, em novembro do ano passado, com Alberto Valentim no comando. Foram dois gols no período.

O colombiano jogou os 90 minutos das últimas três partidas do Verdão, contra Santos, Mirassol e Linense. Marcou quatro gols nesta série.

Borja terminou o ano passado com dez gols em 43 jogos disputados, média de 0,23 gol por jogo. Neste ano, com cinco gols em sete jogos, a média está em 0,71. Das 43 partidas que fez em 2017, o colombiano foi titular em 22 e ficou em campo por 90 minutos em apenas 11.

Esporte