PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Hernanes, Lucas Fernandes e Pratto seguem sem treinar no São Paulo

23/11/2017 16h21

No antepenúltimo treino do São Paulo antes de enfrentar o Coritiba, Hernanes e Lucas Fernandes voltaram a ser desfalque. Nesta quinta-feira, quando Dorival Júnior comandou a atividade no CT da Barra Funda sem a presença da imprensa, o Profeta ficou fazendo tratamento no Reffis ao lado de Pratto.

Hernanes, que não jogou na última rodada por estar suspenso, já não tinha participado da atividade técnica de quarta-feira, queixando-se de dores na coxa direita. Voltou a ficar fora nesta quinta-feira, mas ainda não há definição sobre sua presença na partida de domingo, no Couto Pereira, no Paraná. O mesmo ocorre com Lucas Fernandes, que tem dores na coxa esquerda.

Já Pratto é desfalque praticamente certo. O atacante vem se queixando há semanas de dores na coxa direita. Não foi constatada nenhuma lesão, mas ele ainda não treinou no campo nesta semana e é bem provável que continue sendo preservado. Na parte aberta do treino dessa quarta-feira, Brenner já estava sendo testado no lugar do argentino.

Quem pôde sair um pouco do Reffis nesta quinta-feira foram o meia Jonatan Gomez, que está com tendinite no joelho esquerdo, e o meia-atacante Maicosuel, que trata de entorse no joelho direito. Ambos correram no gramado sob supervisão dos fisioterapeutas, avançando na recuperação, mas ainda não estão liberados para voltar a jogar.

Nesta quinta-feira, o São Paulo divulgou que os trabalhos de Dorival começaram com cruzamentos, tiveram um dinâmico coletivo, com o técnico passando diversas orientações aos comandados, e terminaram com um exercício de finalizações.

Na quarta-feira, sem Lucas Fernandes e Hernanes, o treinador iniciou as atividades com a seguinte formação titular: Militão, Arboleda, Rodrigo Caio e Edimar; Jucilei; Araruna, Cueva, Shaylon e Marcos Guilherme; Brenner. O meio-campista Petros, suspenso, é desfalque certo na partida contra o Coritiba.

A partir desta quinta-feira, todos os treinos do Tricolor são fechados à imprensa, sem entrevista coletiva prevista. Com 46 pontos, o São Paulo já está livre de qualquer risco de rebaixamento e ocupa a 13ª posição do Campeonato Brasileiro. Precisa vencer os dois próximos jogos e torcer para uma combinação de resultados para ir à Libertadores - faltando duas rodadas, está a seis pontos da faixa da tabela que garante vaga na principal competição do continente.

Esporte