PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Que ano do Carille! Técnico entra em seleta lista de campeões nacionais

16/11/2017 07h30

- Não tenho medo nenhum, a pressão vai existir de qualquer forma.

A frase acima é de Fábio Carille na primeira entrevista dele após ser efetivado como técnico do Corinthians, dia 22 de dezembro do ano passado. Sem medo, o treinador encerra a temporada com títulos. Após o começo de desconfiança, o time encorpou no Campeonato Paulista e foi campeão com sobras.

A solidez defensiva de uma equipe que quase não sofre gols e perde jogos rendeu o melhor turno da história dos pontos corridos com 20 clubes. Invicto, foram 47 pontos (82,4% de aproveitamento), com 14 vitórias e cinco empates.

Nem mesmo os tropeços e o período de turbulência na segunda metade do Brasileirão foram capazes de colocar a liderança em risco, tanto que serão 34 rodadas na ponta até o fim. Além do time de Carille, somente Chapecoense, duas vezes, Bahia e Grêmio sentiram o gostinho da primeira posição.

Aos 44 anos, ele ganhou o décimo título nacional do Timão e entrou para um grupo que conta com: Tite, Mano Menezes, Oswaldo de Oliveira, Vanderlei Luxemburgo, Antônio Lopes, Eduardo Amorim e Nelsinho Baptista.

A partir da próxima temporada, o desconhecido Carille entra respeitado e com chance de voos maiores, afinal o estado de São Paulo e o Brasil ele já conquistou.

Esporte