PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Na BA, torcedores cobram Modesto pela saída de Lucas Lima do Santos

Do UOL, em São Paulo

16/11/2017 17h26

O Santos enfrenta o Bahia, nesta quinta-feira, às 21h, na Fonte Nova, pela 35ª rodada do Brasileirão, mas chegou a Salvador na terça, diretamente de Chapecó. Na véspera da partida, o presidente Modesto Roma Júnior, que acompanha a delegação, foi cobrado por alguns torcedores pela saída de Lucas Lima.

O episódio aconteceu durante um evento em uma das embaixadas de torcedores que homenageou o técnico e ídolo Elano. Dois homens ficaram de frente para Modesto e exigiram a saída de Lucas Lima após questionar o comprometimento do meia. Confira o diálogo:

Torcedor 1: - É um bom jogador, mas não pode mandar embora?

Modesto Roma: - Tem contrato até o fim do ano. Não pode (mandar embora), tem que pagar até o fim.

Torcedor 1: - Ele tem contrato, beleza, mas no contrato diz que ele não pode ficar no banco?

Torcedor 2: - Na sua casa, se a sua empregada lava mal, ela é mandada embora?

Modesto Roma: - Veja, eu posso pagar R$ 300 mil para deixar ele em casa?

Torcedor 2: - Ele vai jogar amanhã? Me responda, ele vai jogar amanhã?

Modesto Roma: - O técnico é o Elano (apontando em direção a Elano).

Torcedor 2: - Você não se mete?

Modesto Roma: - Não posso me meter.

Torcedor 2: Duvido que você não se meta!

Modesto Roma: - Não me meto.

Torcedor 2: - O senhor escalou o lateral-esquerdo. O Caju.

Por fim, Modesto faz sinal de negativo com a cabeça e a gravação do vídeo chega ao fim.

O vídeo foi divulgado por torcedores no Twitter na manhã desta quinta-feira.

Em contato com a reportagem do Lancepress, Modesto Roma Júnior disse que o evento foi amigável e pacífico e que teve bom diálogo com torcedores. Em suas redes sociais, Elano agradeceu a homenagem.

Esporte