Marcelo Teixeira revela pedido de Neymar para aposentar camisa 11 do Santos: "Até eu voltar"

Além da camisa 10, o Santos pode ter outro número aposentado momentaneamente: o 11. Eleito presidente do Santos, Marcelo Teixeira afirmou, nesta segunda-feira, que recebeu uma ligação de Neymar pedindo para que o número não fosse mais utilizado até que ele retorne ao clube.

"Ontem (domingo) recebi um telefonema dele. Ele disse: 'presidente, já aposentou a 10 até voltar a primeira, então aposenta a 11 até eu voltar'. Já fiquei feliz e esperançoso", disse à TV Santa Cecília.

"Vou colocar lá no nosso grupo para que a gente estude guardar a 11, aí a gente espera a volta do Neymar. Já me deixou tão esperançoso, então que seja rápido a volta para primeira e a volta do Neymar no futuro. Vamos aposentar a 10 momentânea e a 11 vamos aguardar até o nosso craque voltar", completou.

A volta de Neymar é um grande sonho do torcedor santista. O atacante defendeu o Peixe de 2009 a 2013. Ao todo, foram 225 compromissos e 136 gols pelo clube paulista, além de um título da Libertadores, um da Copa do Brasil e três do Campeonato Paulista.

Após deixar o Alvinegro Praiano, ele acertou com o Barcelona, onde ficou até 2017, quando assinou com o PSG. Já em agosto deste ano, ele se transferiu para o Al-Hilal, da Arábia Saudita. No momento, o ídolo santista se recupera de lesão no joelho.

Em recente entrevista à Gazeta Esportiva, Marcelo Teixeira falou sobre o desejo de repatriar Neymar. .

"Eu quero deixar claro pois as vezes tem especulações e eu não gosto de meias verdade. Eu tive um encontro com o pai do Neymar, decorrente de uma reunião que tive com Andres Rueda. O presidente manifestou alguns esclarecimentos relacionados à aproximação do Santos com as empresas do Neymar. O patrocínio master, inclusive, foi por intermédio de uma das empresas do Neymar. Eu quis entender, do pai do Neymar, quais eram os planos e projetos", disse.

Continua após a publicidade

"Vamos buscar alternativas no mercado, não apenas através do pai do Neymar ou suas empresas. Estamos buscando alternativas no mercado, não tenho preferências com empresários. Na minha gestão sempre esteve aberto para aqueles que trazem bons negócios", completou.

Aos 59 anos, Marcelo Teixeira volta ao cargo de presidente do Santos após cumprir dois mandatos entre 1991 e 1993 e posteriormente de 2000 a 2009. Durante suas gestões, o Peixe conquistou 12 títulos no profissional, somando masculino e feminino, com destaque para o Campeonato Brasileiro de 2002 e 2004 e a Libertadores feminina de 2009.

O empresário teve amplo domínio nos votos, tanto in loco (1270 votos), quanto na internet (3492). Assim, ele se consagrou presidente do Santos e teve totalidade do Conselho Deliberativo. O mandato é válido de janeiro de 2024 até dezembro de 2026.

E a camisa 10?

Marcelo Teixeira afirmou, logo após ser eleito presidente, que aposentará a camisa 10 do Santos enquanto o clube estiver disputando a Série B do Campeonato Brasileiro.

Na visão do novo mandatário, essa é uma forma de honrar Pelé, maior ídolo da história do Alvinegro Praiano que faleceu em 29 de dezembro de 2022.

Continua após a publicidade

"Nós vamos propor ao Conselho Deliberativo que enquanto o Santos não subir, não estiver no seu patamar digno, não atuaremos com a camisa 10. Em memória, em honra ao Pelé. Continuarmos nessa missão. Voltaremos à primeira divisão. Enquanto não voltarmos, o Santos não vai usar a camisa mais gloriosa da sua história", declarou com os olhos marejados.

Atualmente, a camisa 10 do Santos é utilizada pelo meia-atacante Yeferson Soteldo.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes