Goleiro do Atlético-MG, Everson valoriza temporada e projeta ganhar chance na Seleção: "Manter o alto nível"

O Atlético-MG terminou o Campeonato Brasileiro de 2023 na terceira posição, com 66 pontos, quatro atrás do Palmeiras, que ficou com a taça. Everson valorizou a temporada da equipe mineira, apesar da oscilação no início, e espera seguir em "alto nível" para conquistar nova chance na Seleção Brasileira.

"Infelizmente, fizemos um primeiro turno muito abaixo. No segundo turno fomos muito bem, tanto que fomos a melhor equipe nesse turno. Terminamos até ali última rodada com chance mínima de título. Então, coletivamente foi um ano bom por ter conseguido a meta de chegar na Libertadores", disse em entrevista exclusiva à Gazeta Esportiva, em gravação do Troféu Mesa Redonda.

O Galo iniciou o Brasileirão com o técnico Eduardo Coudet no comando da equipe. Depois da saída do argentino, Felipão assumiu o time em junho, ainda no primeiro turno. Foram 14 vitórias, seis empates e oito derrotas. A última, inclusive, por 4 a 1 diante o Bahia, na última rodada.

Individualmente, Everson avaliou que essa temporada foi a melhor de sua carreira no Brasileirão, superando a de 2021, quando o Galo conquistou a Copa do Brasil, Brasileiro e o Campeonato Mineiro.

"Foi minha melhor temporada no Brasileiro, a minha quinta na Série A. Com certeza foi a que eu pude dar muito mais minha parcial de contribuição, até mais que em 2021, quando tivemos um ano mágico com três títulos no ano. Particularmente, 2023 foi meu melhor individualmente e com sede para trabalhar muito mais em 2024. Quero manter esse alto nível e quem sabe representando muito bem a equipe do Galo eu possa ter chance novamente na Seleção Brasileira", seguiu.

O Troféu Mesa Redonda irá ao ar pela TV Gazeta neste domingo, dia 10 de dezembro, a partir das 21h30 (de Brasília).

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes