Ramón Díaz reforça confiança em permanência do Vasco na elite: "Vamos lutar até o fim"

O técnico Ramón Díaz foi veemente ao falar sobre a situação do Vasco para a última rodada do Campeonato Brasileiro. Mesmo após a derrota do Cruz-Maltino para o Grêmio, por 1 a 0, no domingo, na Arena, o treinador destacou a postura aguerrida da equipe.

"Temos muita confiança na equipe. É uma entrega que não se vê muito cotidianamente. Tenho que felicitar a equipe pelo esforço que está fazendo. Estamos lutando", afirmou, em entrevista coletiva. "Temos gana, ímpeto e coragem", completou.

O comandante frisou que não faltará dedicação à equipe no confronto com o Red Bull Bragantino. O Vasco depende apenas de si para se manter na elite do Brasileirão.

"O estado anímico é fundamental. Estou muito orgulhoso deles, pois como competem, como trabalham, como dão o máximo de cada um. Hoje merecíamos um pouco mais. Como jogamos, como tivemos inteligência taticamente. A equipe tenta, busca... Vamos lutar até o último minuto", garantiu.

Ramon Díaz negou que o Cruz-Maltino tenha observado resultados dos concorrentes na luta contra o rebaixamento, como o Bahia e o Santos.

"Nos isolamos e não buscamos saber os resultados. Temos que pensar nos nossos resultados. Eu gostei da nossa equipe que competiu como grande. E o Vasco não foi superado nem taticamente nem fisicamente, salvo uma ação de um craque como Suárez. Isso dá muita esperança para nós", declarou.

O Vasco encara o RB Bragantino na quarta-feira em São Januário. O Cruz-Maltino tem 42 pontos, um a mais que o Bahia, primeira equipe que está na zona de rebaixamento.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes