Cautela exagerada? Torcida evita grito de campeão no estádio após vitória do Palmeiras

A torcida do Palmeiras festejou e muito no Allianz Parque após a vitória do time sobre o Fluminense, no último domingo, que deixou o Verdão muito perto de conquistar o Campeonato Brasileiro. Porém, um detalhe chamou atenção. Apesar do título encaminhado, o torcedor que foi ao estádio evitou gritar "é campeão".

A primeira explicação para isso é óbvia: o Palmeiras, matematicamente, ainda não é campeão brasileiro. Para garantir a taça, basta um simples empate na última rodada, diante do Cruzeiro, no Mineirão.

Até mesmo uma derrota em Belo Horizonte pode dar o troféu para a equipe de Abel Ferreira. Isso devido à larga vantagem do time no quesito de saldo de gols. O Palestra só perderá o título caso os outros concorrentes, Atlético-MG e Flamengo, consigam vitórias improváveis com mais de oito gols de diferença.

O outro motivo é a cautela da torcida alviverde, que mesmo depois de ver o time tirar inúmeros pontos do Botafogo e tomar a ponta da tabela, prefere não se precipitar. Foi assim em conquistas recentes do clube.

Torcida do Palmeiras protagonizou bela festa no Allianz Parque antes de jogo contra o Fluminense

Quando o árbitro apitou o fim da partida contra o Fluminense, foi possível ouvir de todos os gritos. Desde o hino do clube até cantos famosos da Mancha Verde, principal organizada do time. Mas nada do tradicional "é campeão". Parecia uma festa padrão após uma grande vitória do time, mas não a comemoração de um título que é iminente.

A linha de pensamento da torcida está interligada aos jogadores do Palmeiras, que também adotaram o mesmo lema. Em conversa com os atletas na zona mista, e também na entrevista coletiva do técnico Abel Ferreira, o discurso foi o mesmo: "ainda não há nada ganho".

O capítulo final dessa novela, protagonizada pela arrancada do Verdão rumo ao título, já tem data marcada. A equipe joga contra o Cruzeiro no Mineirão nesta quarta-feira, às 21h30 (de Brasília), pela última rodada do Campeonato Brasileiro. Só mais alguns dias para a torcida tirar o grito de campeão da garganta.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes