Sem pensar no futuro, técnico do Benfica quer desfrutar do talento de Di María

Roger Schmidt, técnico do Benfica, encarou com naturalidade a notícia de que o argentino Ángel Di María nãi irá renovar o seu contrato com o clube português ao fim da temporada 2023/24. A tendência, segundo informações do jornal Record, é que o atacante volte para o Rosario Central - equipe que o revelou - para disputar até a próxima Libertadores da América.

"Estamos preparados para tudo. O mercado está aberto, a compra e venda de jogadores é feita nos bastidores e depende também dos atletas", disse Schmidt. "Vamos aproveitar todos os treinos e jogos com o Dí Maria. No final da temporada, a gente vê se ele quer mais um ano no Benfica ou irá para outro lugar", emendou.

Mesmo aos 35 anos, Dí Maria ainda é considerado um nome importante para o Benfica. "Quando ele chegou, já conhecia a sua carreira, mas fiquei muito surpreendido com a sua qualidade e sobretudo com a sua mentalidade. É um jogador muito bom para nos, é um jogador-chave. Esteve lesionado e precisou de algum tempo para se recuperar e agora está na sua melhor forma e estamos muitos felizes de o ter conosco", exaltou Roger Schmidt.

Di María estreou pelo Rosario Central em 2005 e defendeu o clube argentino por duas temporadas. A partir de 2007, iniciou a sua passagem pela Europa no Benfica, Também defendeu outros gigantes como Real MadridManchester UnitedPSG Juventus até voltar ao time português.

Para Di María jogar a Libertadores da América, o Rosário teria, entretanto, que avançar à etapa de oitavas de final, já que ele defenderá o Benfica até o meio do ano que vem.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes