Palmeiras questiona arbitragem por choque de Rony com goleiro: "Não era para vermelho?"

O Palmeiras não ficou nada satisfeito com a não expulsão de Jori, goleiro do América-MG, que teve um choque violento com o atacante Rony, no Allianz Parque, em duelo da 36ª rodada do Campeonato Brasileiro. Em seu perfil na rede social X, o Verdão questionou a decisão da arbitragem.

"E o VAR? Não era lance para vermelho?", publicou.

A equipe da arbitragem de vídeo checou o lance, sem chamar Wilton Pereira Sampaio para ver o choque. Em campo, o árbitro marcou impedimento na jogada e mandou o jogo seguir. Na imagem publicada pelo clube, Rony aparenta estar atrás do jogador do América-MG.

Por dores após esse lance, o camisa 10 do Palmeiras deixou o campo de maca com dores no braço direito. Ele, inclusive, já estava com uma tipoia no banco de reservas.

O jogador deu lugar para Artur no início da etapa inicial, quando o Verdão já vencia por 1 a 0. A equipe palmeirense, que começou a rodada com 63 pontos, busca se manter na liderança e na briga pelo 12° título de Brasileiro.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes