STJD acata pedido e Cruzeiro terá torcida na partida contra o Athletico-PR pelo Brasileirão

O Cruzeiro poderá contar com o apoio de sua torcida em sua próxima partida como mandante, contra o Athletico-PR, pelo Campeonato Brasileiro. Nesta terça-feira, o julgamento do clube por conta da briga entre torcedores ocorrida no jogo contra o Coritiba, há pouco mais de duas semanas, foi adiado. Com isso, o STJD acatou o pedido da Raposa de jogar com portões abertos.

Felipe Bevilacqua, vice-presidente do STJD, deferiu parcialmente o pedido de reconsideração feito por Cruzeiro e Coritiba. Apesar de não terem que jogar com portões fechados, os setores dedicados às torcidas organizadas de ambos os clubes seguem interditados. No caso do Mineirão, trata-se do setor amarelo.

O Cruzeiro vai contar com sua torcida no jogo contra o Athletico-PR! ? ?

Atendendo a uma solicitação de reconsideração do Cruzeiro, o STJD acatou o pedido para autorizar a presença de torcida na partida contra o Athletico-PR nesta quinta-feira. O compromisso válido pela 36ª... pic.twitter.com/8hsFMyfUWf

? Cruzeiro ? (@Cruzeiro) November 28, 2023

As torcidas organizadas Máfia Azul e Pavilhão Independente, do Cruzeiro, estarão proibidas de acompanhar a partida no estádio. A mesma punição foi dada para Império Alviverde e Mancha Alviverde, no caso do Coritiba, para o Couto Pereira.

O clube mineiro estava suspenso de forma preliminar por conta da confusão ocorrida na 32ª rodada do Brasileirão. O Cruzeiro jogava contra o Coritiba quando sofreu um gol nos acréscimos. Alguns de seus torcedores presentes invadiram o gramado e entraram em conflito contra parte da torcida do Coxa, que também pulou o alambrado do estádio Vila Capanema.

Continua após a publicidade

O confronto entre Cruzeiro e Athletico-PR é de extrema importância na briga dos mineiros contra o rebaixamento. A partida será na quinta-feira, às 20h (de Brasília), no Mineirão. O Cruzeiro ocupa a 13ª colocação do Campeonato Brasileiro, com 44 pontos, separado por três do Z4.

Ainda não há uma definição acerca da partida seguinte da Raposa como mandante, já que esta, contra o Palmeiras, no dia 6, será depois do julgamento.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes