PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Ponte Preta supera maratona de pênaltis e vence o Botafogo-SP

redacao@gazetaesportiva.com (Redação)

13/05/2021 23h36

Com muito sofrimento no tempo normal e uma verdadeira maratona de cobranças de pênalti, Ponte Preta e Botafogo-SP fizeram jogo morno que terminou em 0 a 0. O show esta noite de quinta-feira estava reservado para as cobranças de pênalti. Cada time fez 15 chutes a gol, mas no final a classificação no Moisés Lucarelli ficou com a Macaca.

Mesmo pressionando bastante durante todo o primeiro tempo, a Ponte Preta não conseguiu vencer o esquema defensivo montado por Argel Fuchs. Um dos lances mais bonitos e perigosos veio dos pés de Camilo, que executou ótima cobrança de falta e acertou a trave dos visitantes. O Botafogo-SP não chutou a gol nos primeiros 45 minutos de jogo.

A Ponte Preta voltou com a mesma intensidade para a segunda etapa. Logo aos 3 minutos, Apodi encontrou a cabeça de Camilo na área do Botafogo-SP, mas o camisa 10 cabeceou mal e perdeu a chance de abrir o placar. Em um dos poucos bons momentos ofensivos dos visitantes, Luketa roubou a bola e tocou para Renatinho chutar forte, parando em bela defesa de Ygor.

A decisão por pênaltis se estendeu por incríveis 15 rodadas, com 30 cobranças muito seguras e difíceis para os goleiros defenderem. Renatinho e Martinelli tiveram seus chutes defendidos por Ygor e a Ponte Preta garantiu sua classificação no Troféu do Interior.

Futebol