'Só depende de nós': Santos tenta superar crise antes de decisão

O Santos tenta superar a crise no vestiário após ato de indisciplina de Marcos Leonardo em derrota por 3 a 0 para o Athletico-PR, no último final de semana.

O que aconteceu

O atacante Marcos Leonardo chegou atrasado para o embarque para Curitiba. A situação pegou mal internamente e o Menino da Vila foi multado. A informação sobre o atraso do jogador foi inicialmente publicada pela TNT Sports e confirmada pelo UOL.

O atacante não demonstrou o compromisso esperado logo após ter recebido a braçadeira de capitão. Artilheiro e com voz ativa no vestiário, Marcos Leonardo desapontou o departamento de futebol e parte do elenco.

Na tarde de ontem, a diretoria se reuniu com o elenco e funcionários para contornar a situação e exigiu responsabilidade e comprometimento com o último jogo da temporada.

Injeção de ânimo

No vestiário, logo após o jogo, o capitão João Paulo, junto de Marcelo Fernandes e João Basso, puxou gritos de motivação e ânimo. Muitos jogadores sentiram a derrota e ficaram em silêncio, de cabeça baixa.

"Estamos fechados!", "Agora só depende da gente", "A gente trabalhou muito, vamos sair dessa juntos", "A gente não vai cair!", e "Esse vai ser o jogo das nossas vidas" foram algumas das frases repetidas.

A próxima partida do Santos será na quarta-feira, contra o Fortaleza, às 21h30, pela última rodada do Brasileiro. O Peixe está em 15º, com 43 pontos.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes

As mais lidas agora