Você sabe quantos pontos o Botafogo perdeu com gols levados nos acréscimos?

O Botafogo vem sofrendo com um problema recorrente no segundo turno: levar gol nos acréscimos. Ao todo, eles já custaram ao clube sete pontos na tabela.

O que aconteceu

O Botafogo tomou o empate no apagar das luzes nos dois últimos jogos. Messias fez para o Santos aos 45 minutos da etapa final, e Edu balançou a rede pelo Coritiba aos 53 — as partidas terminaram 1x1. Cada um dos tentos custou dois pontos (já que o clube conquistaria três em caso de vitória e ficou apenas com um).

O Alvinegro também viu a vitória escapar no fim contra o Bragantino. Thiago Borbas deixou tudo igual no Nabi Abi Chedid aos 50. Menos dois pontos na conta.

A outra partida que custou pontos decisivos foi a derrota para o Palmeiras. Além de o time carioca ter desperdiçado uma vantagem de 3 a 0 ainda no primeiro tempo, Murilo decretou a virada do Alviverde por 4 a 3 aos 53 da etapa final. O Botafogo ficou sem nem um ponto após o gol nos acréscimos. Menos um ponto do que era um empate.

O Glorioso teria 70 pontos se não tivesse tomado esses gols nos minutos finais, sete a mais que os 63 que possui. O time reassumiria a liderança isolada com tal pontuação e faria a vantagem para o Palmeiras ser de seis pontos — O Alviverde tem 66, mas ficaria com 64 se tivesse empatado o confronto direto.

Todos esses pontos foram perdidos no returno. Após ter feito a melhor campanha na primeira metade do campeonato, o Botafogo derrapou e não vence há nove jogos no Brasileirão — foram cinco pontos conquistados em 27 disputados.

Gols sofridos pelo Botafogo nos minutos finais

  • Botafogo 3 x 4 Palmeiras: gol sofrido aos 54' do segundo tempo (custou um ponto)
  • Bragantino 2 x 2 Botafogo: aos 51' (custou dois pontos)
  • Botafogo 1 x 1 Santos: aos 45' (custou dois pontos)
  • Coritiba 1 x 1 Botafogo: aos 53' (custou dois pontos)
Siga o UOL Esporte no

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes