São Paulo: dois motivos para acreditar na vitória e dois para desconfiar

O São Paulo enfrenta, às 20h de hoje, o Bahia, na Fonte Nova, pela 36ª rodada do Campeonato Brasileiro. O UOL lista abaixo dois motivos para o torcedor acreditar na vitória — e outros dois para desconfiar da equipe de Dorival Júnior.

Motivos para acreditar na vitória

Rogério Ceni. Parece loucura, mas o hoje técnico do Bahia pode se transformar em um amuleto para o clube onde é ídolo máximo. Como treinador de Fortaleza, Cruzeiro e Flamengo, Ceni nunca venceu o Tricolor: são oito jogos, com seis derrotas e dois empates.

"Reforços" para Dorival Júnior. O comandante são-paulino terá retornos importantes: os zagueiros Beraldo e Diego Costa, o volante Gabriel Neves e o lateral Rafinha, que cumpriram suspensão no empate com o Cuiabá, ficam à disposição e podem iniciar entre os titulares.

Motivos para desconfiar

Visitante apático e na seca. O clube paulista ainda não venceu atuando longe de seus domínios nesta edição do Brasileirão: em 17 jogos, foram oito empates e nove derrotas. Para piorar, o São Paulo não balançou as redes adversárias nas últimas três partidas. Sem Calleri, Dorival Júnior tem quebrado a cabeça e ainda não conseguiu retomar o poder ofensivo de sua equipe.

Adversário embalado. O Bahia goleou o Corinthians por 5 a 1 na última sexta-feira (24) e vem com a confiança em alta na briga contra o rebaixamento do Campeonato Brasileiro.

Canal do São Paulo no UOL

Quer saber tudo o que rola com o São Paulo sem precisar se mexer? Conheça e siga o novo canal do UOL dedicado ao time no WhatsApp.

Continua após a publicidade

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes