Feliz e campeão, São Paulo revê Ceni desesperado contra rebaixamento

Eles iniciaram a caminhada de 2023 juntos, mas seguiram rumos diferentes e, agora, se reveem em momentos completamente distintos na reta final do Brasileirão: essa é a história deste reencontro entre São Paulo e Rogério Ceni.

O que aconteceu

O Bahia de Ceni luta para fugir do rebaixamento em jogo importante contra o São Paulo, que começou a temporada com o treinador no comando.

Ceni está no Bahia desde setembro, meses depois de ter sido demitido do time do Morumbi, onde é ídolo. Ele soma seis vitórias, um empate e seis derrotas desde que assumiu o Tricolor de Aço.

Após sua saída, o São Paulo passou a ter melhores resultados, que culminaram no título inédito da Copa do Brasil.

Relação se desgastou

Foi de Ceni o planejamento do elenco deste ano, assim como o grupo de 2022. Só dois jogadores chegaram ao São Paulo após a demissão do ídolo: Lucas e James Rodríguez

O final da segunda passagem de Ceni no São Paulo ficou marcado por desgaste na relação em todos os âmbitos. O ex-goleiro não poupava críticas à diretoria e diversos episódios de problemas de relacionamento com jogadores começaram a aparecer.

Curiosamente, Ceni foi demitido após uma vitória, mas diante de um Morumbi com clima insustentável. O Tricolor venceu o Puerto Cabello (VEN) naquela noite, mas torcedores entrevistados pelo UOL naquele dia já admitiam, muitos citando uma dor no coração, que era momento para saída do ídolo.

Continua após a publicidade

São Paulo renasceu com Dorival

O clima pesado do fim da 'Era Ceni' sumiu em pouquíssimos dias com a chegada de Dorival Jr. O time engrenou rapidamente com o novo treinador e empilhou vitórias.

Dorival é conhecido por ser um dos melhores gestores de elenco do país e conseguiu manter a fama no São Paulo. O técnico rapidamente resgatou jogadores em baixa e conseguiu extrair o melhor futebol de cada um.

O novo treinador assumiu conseguindo uma série de 11 jogos invicto e terminou campeão da Copa do Brasil, título inédito, em cima do Flamengo. Após a conquista, Ceni foi lembrado por Dorival e por Calleri pelo trabalho no início do ano.

Quero agradecer ao Rogério. Ele me deu a faixa de capitão, me deu a liderança que eu não tinha no clube. Quero agradecer muito a ele. Acho que ele está muito feliz onde está hoje, sabe tudo o que fez por nós. No dia que ele foi embora falou que 'o treinador que virá será campeão com vocês, porque vocês são fo...'. Quero agradecer muito a ele, sou muito grato e é como um pai futebolístico. Esse troféu também é para ele

Calleri, em entrevista ao canal sportv

Continua após a publicidade

Canal do São Paulo

Quer saber tudo o que rola com o São Paulo sem precisar se mexer? Conheça e siga o novo canal do UOL dedicado ao time no WhatsApp.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes