Holanda perde pênalti, mas supera Grécia no fim e renasce por vaga na Euro

A Holanda chegou a desperdiçar um pênalti, mas venceu a Grécia por 1 a 0 com gol nos acréscimos e encostou na briga por uma vaga na Eurocopa em jogo do Grupo B das Eliminatórias. Van Dijk, também em penalidade, foi o único a balançar as redes no Agia Sophia.

Com o resultado, os comandados de Ronald Koeman, que ainda jogam mais duas vezes, avançaram aos 12 pontos — mesmo número dos gregos, que perderam a vice-liderança da chave e só têm um duelo a fazer. A França, invicta, lidera a disputa. Nas Eliminatórias, duas seleções de cada chave se classificam ao torneio continental.

Como foi o jogo

O 1° tempo foi bastante truncado e contou com pênalti perdido. Weghorst protagonizou o grande lance dos primeiros 45 minutos ao desperdiçar uma penalidade sofrida por Van Dijk. Os visitantes ainda pressionaram com Bergwijn e Simons, mas não superaram Vlachodimos.

Na metade final, a Grécia esboçou uma melhora, mas não caprichou na hora de finalização e foi punida com gol no fim. Em novo pênalti — com atuação demorada do VAR —, Van Dijk pegou a bola, bateu forte e decretou a vitória dos holandeses.

Gols e destaques

Faltas e cartões. A partida começou bastante truncada e com faltas duras cometidas tanto pelos holandeses quanto pelos gregos. A arbitragem, então, resolveu controlar o ritmo aplicando cartões amarelos: dois deles saíram antes dos 20 minutos.

Vlachodimos cresce e pega pênalti. A Holanda teve a chance de abrir o placar, de fato, aos 24 minutos, quando Van Dijk acabou derrubado dentro da área após cruzamento de Hartman. O problema é que o pênalti cobrado por Weghorst parou no goleiro Vlachodimos, que conseguiu encaixar o chute e esfriar ainda mais a empolgação dos visitantes.

Kourbelis e Malen disputam a bola em Grécia x Holanda, jogo das Eliminatórias da Eurocopa
Kourbelis e Malen disputam a bola em Grécia x Holanda, jogo das Eliminatórias da Eurocopa Imagem: REUTERS/Louisa Gouliamaki

Grécia assusta. Na metade final, os mandantes conseguiram assustar o goleiro Verbruggen com Ioannidis e Bouchalakis, mas ambos erraram o alvo. Em meio ao bom momento, o técnico Gustavo Poyet colocou sua equipe ainda mais para frente e chegou a utilizar quatro atacantes no gramado.

Continua após a publicidade

Erros, novo pênalti e gol no fim. Os últimos minutos do duelo foram recheados de falhas cometidas pelos dois ataques. Enquanto os gregos pecaram na conclusão, os holandeses tiveram muita dificuldade na construção de jogadas... até o pênalti sofrido por Dumfries, que recebeu lançamento em profundidade e acabou empurrado. Van Dijk pegou a bola, bateu forte e, desta vez, não deu chances para Vlachodimos: 1 a 0.

Veja também

Deixe seu comentário

Só para assinantes

As mais lidas agora