PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Neymar: 'Espero que vejam o documentário e passem a gostar um pouco de mim'

Neymar e o filho Davi Lucca na série "Neymar: O Caos Perfeito" - Divulgação/Netflix
Neymar e o filho Davi Lucca na série "Neymar: O Caos Perfeito" Imagem: Divulgação/Netflix

Do UOL, em São Paulo (SP)

18/01/2022 12h22

Neymar, terá um documentário lançado pela Netflix no próximo dia 25: "Neymar: O Caos Perfeito". O camisa 10 da seleção brasileira e do Paris Saint-Germain afirmou que espera que quem assista à obra passe a gostar 'um pouquinho' mais dele.

"As pessoas que me conhecem de verdade sabem como sou, é o que importa para mim. E quem não me conhece, que falam mal, deixo de lado. Espero que vejam o documentário e possam mudar um pouco a ideia, a imagem que têm, e passar a gostar um pouquinho de mim", disse em entrevista à ESPN.

O jogador explicou por que o documentário recebeu o título de "O Caos Perfeito". Neymar recordou um acidente quando tinha seis meses de vida para justificar essa escolha.

"Minha vida sempre foi assim. Desde quando tinha seis meses de idade, quando tive um acidente com meus pais. Ali começou todo o caos, logo nos recuperamos; comigo, não aconteceu nada. Depois, virei jogador de futebol. Tive muitas felicidades, mas também muito caos. Bom, dentro desse caos, tudo saiu perfeito. Por que minha vida é muito boa", disse.

Em seus três episódios que duram entre 50 e 60 minutos, a série aborda os conflitos da relação de Neymar com seu pai, bastidores do período em que ele forçou a saída do PSG para voltar ao Barcelona e a fúria dos torcedores do clube francês como consequência disso.

A produção do documentário é de Lebron James, do Los Angeles Lakers, e Maverick Carter, parceiro de negócios de um dos maiores jogadores da história da NBA.

Futebol