PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Palmeiras e Globo firmam contrato para exibição de jogos em TV fechada

Gustavo Gomez, do Palmeiras, comemora gol diante do Goias pelo campeonato Brasileiro - Marcello Zambrana/AGIF
Gustavo Gomez, do Palmeiras, comemora gol diante do Goias pelo campeonato Brasileiro Imagem: Marcello Zambrana/AGIF

Diego Iwata Lima

De São Paulo

29/12/2021 15h24Atualizada em 30/12/2021 10h40

O Palmeiras e a Globo chegaram a um acordo para exibição dos jogos do clube no Campeonato Brasileiro em canal fechado a partir de 2022. Negociado diretamente pela presidente Leila Pereira, o novo contrato tem duração de três anos e pode render ao clube cerca de R$ 150 milhões.

O contrato recém-acertado vem substituir o acordo que o clube tinha anteriormente com a Turner, encerrado pela companhia norte-americana com os clubes parceiros ao fim do Brasileiro de 2021.

Agora de volta à programação do SporTV, o Palmeiras pode receber aproximadamente R$ 50 milhões por cada ano de contrato. Tudo dependeria das variantes estabelecidas para a distribuição da premiação total do campeonato (R$ 600 milhões): número de jogos do time transmitidos (30% do bolo) e colocação final do clube no campeonato influenciam (outros 30%) —os demais 40% são valores fixos.

Além do Palmeiras, a Turner tinha sob contrato, até o fim de 2024, Internacional, Bahia, Santos, Coritiba, Ceará, Athletico e Fortaleza. A multinacional optou por desativar neste ano a operação, porém. Agora, desse grupo, resta apenas o Athletico sem definição de por uma nova casa. Os demais fecharam com a Globo.

O grupo carioca passa agora a deter os direitos de exibição de jogos do Palmeiras nos três formatos: pay per view, TV aberta e TV fechada.

Futebol