PUBLICIDADE
Topo

Manchester United

Manchester United vence Arsenal com gol 800 (e 801) de Cristiano Ronaldo

Cristiano Ronaldo marcou dois e foi decisivo para a vitória do United sobre o Arsenal - OLI SCARFF/AFP
Cristiano Ronaldo marcou dois e foi decisivo para a vitória do United sobre o Arsenal Imagem: OLI SCARFF/AFP

Do UOL, no Rio de Janeiro

02/12/2021 19h11

O Manchester United venceu o Arsenal por 3 a 2 em jogo bastante movimentado, nesta quinta-feira (2), pela 14ª rodada do Campeonato Inglês. A partida recoloca os Red Devils no trilho pelas primeiras colocações e também foi bastante especial para Cristiano Ronaldo. O português entrou em campo com 799 gols na carreira, deixou sua marca duas vezes e alcançou feito histórico.

O United chega a 21 pontos e pula para a 7ª posição. O time recebe o Crystal Palace, no domingo (5), na próxima rodada. O Arsenal, por sua vez, se mantém com 23 pontos na 5ª colocação. Os londrinos visitam o Everton na segunda-feira.

O jogo foi movimentado desde o começo. Logo aos 13min do primeiro tempo, a zaga do United afastou cruzamento e viu Smith Rowe chutar de primeira da entrada da área para estufar as redes. De Gea estava caído no chão e o juiz invalidou o lance. Porém, o VAR checou o lance e viu que o goleiro havia sofrido um pisão de Fred, seu companheiro de time, e, portanto, validou o gol.

Manchester United ficava com a posse de bola, enquanto o Arsenal apostava no contra-ataque. O time de Londres conseguia se fechar bem com linhas defensivas muito bem definidas. Os donos da casa tinham muita dificuldade e o gol de empate só saiu aos 43min: Fred fez boa jogada e rolou para Bruno Fernandes deixar tudo igual.

Em busca do gol 800 da carreira, Cristiano Ronaldo quase alcançou o objetivo nos primeiros minutos do segundo tempo, mas parou em boa defesa de Ramsdale. Mas era o destino, não tinha jeito. Aos 6min, Rashford invadiu a área e cruzou para trás. O português pegou de primeira e mandou na bochecha da rede: 2 a 1 e oitocentas vezes CR7.

Mas o jogo não havia acabado. Longe disso. No lance seguinte, o Arsenal voltou a deixar tudo empatado com Ödegaard após cruzamento de Martinelli. O United precisava da vitória e não descansou. Aos 23min do segundo tempo, Fred sofreu pênalti e viu, novamente, Cristiano estufar as redes e retomar a vantagem: 3 a 2.

O Arsenal ainda pressionou nos minutos finais, mas viu De Gea inspirado manter a vitória em noite de brilho e recorde de Cristiano Ronaldo.

Manchester United