PUBLICIDADE
Topo

Sandro Meira Ricci diz que juiz 'errou feio' em lance de impedimento do Fla

Gabigol recebeu amarelo por reclamação na partida entre Chapecoense e Flamengo - Dinho Zanotto/AGIF
Gabigol recebeu amarelo por reclamação na partida entre Chapecoense e Flamengo Imagem: Dinho Zanotto/AGIF

08/11/2021 22h20

Sandro Meira Ricci comentou os lances polêmicos da partida entre Chapecoense e Flamengo, no Brasileirão. Após o empate por 2 a 2, na Arena Condá, o ex-árbitro disse que o juiz Denis da Silva Ribeiro Serafim cometeu equívocos durante o confronto.

O primeiro deles foi sobre o possível pênalti em Gabigol aos 20 minutos de jogo. O camisa 9 recebeu um cruzamento dentro da área e teve um choque com o goleiro da Chapecoense, Keiller.

"Achei que o goleiro abre o braço. Para mim, o goleiro teria um choque casual se ele não abrisse tanto o braço. Mas ele abre muito o braço e faz falta no Gabriel. Ainda tem que considerar a posição dele no momento do lançamento. Para mim, ele abre o braço e realmente faz falta. Ele tinha que avaliar se o Gabriel estava, ou não, em posição legal", começou por dizer.

Na reta final do primeiro tempo, o árbitro deu um cartão amarelo para Gabriel por reclamação após um impedimento. No lance em questão, o atacante pisa na linha do meio-campo no momento do lançamento, o que não o coloca no campo de ataque.

"(O árbitro) Errou feio. Além dele (Gabigol) estar na linha do meio-campo, tinha um jogador da Chape no meio. Esse é o típico lance que tem que deixar seguir. Os assistentes estão correndo riscos desnecessários", analisou Sandro, que completou:

"A gente cobra muito que eles não esperem o VAR, mas neste tipo de situação, não. Neste tipo de situação, tinha um jogador dando condição no meio e tinha que seguir. Errou feio."

Com o resultado, o Flamengo está a 11 pontos do líder Atlético-MG, que está cada vez mais perto de conquistar o Campeonato Brasileiro, agora com apenas um jogo a mais que o terceiro colocado. Os comandados de Renato Gaúcho voltam a campo na próxima quinta (11), quando recebe o Bahia, no Maracanã.