PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Sem mais opções no Brasil, Daniel Alves vai ficar parado até dezembro

Daniel Alves lamenta durante Palmeiras x São Paulo pela Libertadores - VINICIUS NUNES/AGÊNCIA F8/ESTADÃO CONTEÚDO
Daniel Alves lamenta durante Palmeiras x São Paulo pela Libertadores Imagem: VINICIUS NUNES/AGÊNCIA F8/ESTADÃO CONTEÚDO

Bruno Andrade, Caio Blois e Leo Burlá

Do UOL, no Rio de Janeiro

24/09/2021 11h49

Daniel Alves vai ficar sem jogar pelo menos até dezembro. Encerradas as negociações com o Fluminense, visto que houve as divergências salariais entre as partes, o lateral-direito resolveu aguardar a reabertura dos principais mercados da bola, especialmente da Europa, em janeiro de 2022.

Apesar de também ter sido especulado por Flamengo e Internacional, o veterano jogador de 38 anos, que tinha como prioridade seguir no Brasil, não conseguiu definir o futuro a tempo de ser inscrito no Campeonato Brasileiro, cujo prazo de registro de novos jogadores termina hoje (24).

O Tricolor acreditou que o negócio seria concretizado, mas a demora na resposta por parte do atleta foi esfriando os ânimos nas Laranjeiras. A ideia do Flu era que houvesse um acordo até o final de 2022 e até uma cláusula de saída para a Europa havia sido aceita.

Sem opções no futebol nacional e tendo recentemente rejeitado ofertas mais tentadoras do ponto de vista financeiro do Qatar e do México, Daniel Alves achou melhor o afastamento dos gramados pelos próximos três meses. Vai treinar sozinho para manter a forma, com a ajuda de especialistas na área da preparação física.

Aos 38 anos, o lateral tem um claro objetivo na carreira: jogar a Copa do Mundo de 2022. Por este motivo, tem exigido atuar em sua posição de origem — depois de, na temporada passada, ter sido basicamente como meia.

Ex-Bahia, Sevilla, Barcelona, Juventus e PSG, Daniel Alves, vale lembrar, rescindiu vínculo na semana passada com o São Paulo, depois de uma longa discussão nos bastidores por causa de uma dívida de aproximadamente R$ 18 milhões. Por estar sem clube, o atleta ficou fora da lista de convocados à seleção brasileira para os próximos três jogos pelas Eliminatórias à Copa 2022. O técnico Tite afirmou que havia conversado com o lateral na janela passada pelos jogos classificatória ao Mundial e que não descarta um futuro retorno.

Por meio de comunicado, Daniel confirmou a pausa na carreira, agradeceu o interesse dos clubes e ressaltou que "decisões difíceis precisam ser tomadas".

Confira o comunicado:

Venho aqui comunicar que optei por não assinar com nenhum clube para o resto do ano. Vim ao Brasil por um sonho de criança, e o sonho foi realizado. Ser campeão com o clube do coração não tem preço. Não é sobre dinheiro, é sobre valores, é sobre hombridade, é sobre caráter, é sobre legado.

As decisões difíceis precisam ser tomadas, mas como sempre nada na minha vida foi fácil. É apenas mais uma decisão. Agradeço a todos pelo interesse, mas gostaria que o capítulo fosse fechado sem nenhuma interferência. Sei que foi comentado muitas coisas, mas a verdade é só uma, vim aqui por um sonho e saio daqui realizado.

Muito obrigado.

Futebol