PUBLICIDADE
Topo

Santos

Diniz ganhará "reforço" no meio-campo a partir de agosto no Santos

Jobson abriu o placar para o Santos no Morumbi - Marcello Zambrana / AGIF
Jobson abriu o placar para o Santos no Morumbi Imagem: Marcello Zambrana / AGIF

Gabriela Brino

Colaboração para UOL, em Santos

25/07/2021 04h00

O técnico Fernando Diniz terá um "reforço" no meio-campo no Santos a partir de agosto. Jobson, em processo de recondicionamento físico após uma cirurgia no joelho, será reintegrado ao grupo e iniciará os treinos com bola com contato.

O volante ficou sete meses parado e ainda precisará ganhar ritmo para entrar nos jogos. Diniz terá calma para essa readaptação e deve colocá-lo aos poucos, como foi com Carlos Sánchez. A expectativa é de que até o meio do mês o volante já esteja à disposição do treinador.

Outro jogador que está na fila para retornar ao plantel é Sandry, que se lesionou em abril. Ele também foi submetido a uma cirurgia no joelho, mas deve retornar apenas no final da temporada, em novembro.

Enquanto ambos não se recuperam totalmente, Diniz ainda está moldando seu meio-campo ideal, que no momento é composto por Camacho, Jean Mota e Gabriel Pirani. Carlos Sánchez deve, com o tempo, ganhar a vaga do jovem "Menino da Vila" - Diniz considera a experiência do meio campista um fator importante na construção de sua equipe.

O comandante santista ainda sente falta de um meia que chegue mais ao ataque, com presença na área adversária. A diretoria está ciente disso e analisa o mercado para atendê-lo. Além de um meia, um ponta e um centroavante também estão nos planos, mas não há pressa para contratar.

O Peixe enfrentará o Atlético-GO hoje, às 18h15, na Vila Belmiro, pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro. Jean Mota retorna ao time e deve começar jogando após cumprir suspensão contra o RB Bragantino. O Peixe é o 10ª da tabela, com 16 pontos.

Santos