PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Fortaleza vira contra a Chapecoense e volta a vencer após quatro rodadas

Do UOL, em São Paulo

30/06/2021 18h00

Classificação e Jogos

Com um segundo tempo fulminante, o Fortaleza derrotou a Chapecoense por 3 a 2, de virada, hoje (30), na Arena Castelão, pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro. David, Robson e Yago Pikachu decretaram o triunfo que acabou com uma sequência negativa do Leão no torneio. Anselmo Ramon e Perotti fizeram os gols catarinenses.

Com a vitória, o Fortaleza acabou com a série de quatro partidas sem vencer no torneio. A equipe dirigida pelo argentino Juan Pablo Vojvoda vinha de empates contra Fluminense, Atlético-GO e Grêmio e derrota para o Flamengo. O último triunfo havia sido no dia 13, contra o Sport, em casa.

O resultado manteve o Fortaleza nas primeiras colocações do Brasileirão, com 15 pontos. Na próxima rodada, o Leão tem um confronto direto de times que estão no pelotão de cima, contra o Athletico-PR, na Arena da Baixada. O jogo será no sábado (3), às 19h.

Já a Chapecoense continua sem vitória em seu retorno à elite do futebol nacional. O time dirigido por Jair Ventura soma quatro pontos em oito jogos disputados e corre o risco de terminar a rodada na lanterna. O próximo jogo do time catarinense será no domingo (4), na Arena Condá, contra o Bahia.

Fortaleza domina, mas conclui mal

Assim como era esperado, o Fortaleza controlou as ações no primeiro tempo. Com 70% de posse de bola, o Leão foi para cima, mas parou na boa barreira defensiva montada pela Chapecoense. As jogadas de ataque colocavam três jogadores na área adversária, mas nem sempre o desfecho era em direção ao gol. Romarinho foi o jogador mais ativo do setor ofensivo, com duas finalizações que pararam nas mãos do goleiro João Paulo.

Goleiro da Chape é o nome do 1º tempo

Nas vezes em que o Fortaleza chegou ao gol adversário, uma nova barreira apareceu. O goleiro João Paulo realizou três boas intervenções que evitaram o time da casa de abrir o placar. Na melhor delas, aos 24 minutos, Yago Pikachu cruzou para a área e encontrou Éderson, que bateu de primeira. O goleiro da Chape espalmou e, no rebote, Romarinho emendou para João Paulo segurar

Matheus Vargas também teve uma boa chance aos 28 minutos, mas João Paulo abafou o chute na pequena área. No minuto final, o Fortaleza quase empatou em uma jogada confusa pelo alto. A bola sobrou para Quintero, que, livre e dentro da área, chutou para fora com o goleiro aparentemente batido no lance.

Chape espera, e estratégia funciona

O técnico Jair Ventura vem obtendo bons resultados como visitante. E para manter a boa fase, procurou espelhar o sistema tático do Fortaleza, com três zagueiros, quatro jogadores no meio e dois ponteiros que ajudavam bem na recomposição. Sofreu com as jogadas pelo lado direito do time cearense, mas conseguiu bloquear as jogadas mais agudas. E quando falhou, teve a agilidade de seu goleiro para impedir o pior. No ataque, se limitou a jogadas esporádicas, mandando dois chutes a gol -em uma cobrança de falta e outra em um pênalti.

VAR acerta em pênalti para a Chape

A Chapecoense pouco se aventurou no ataque em todo o primeiro tempo. Mas foi efetiva quando apareceu por lá. Em uma dessas jogadas, uma bola lançada na esquerda encontrou Fernandinho. Ele gingou dentro da área e foi calçado por Romarinho. O árbitro Antônio Dib Moraes de Sousa mandou o jogo seguir, e a bola demorou dois minutos para que o VAR pedisse a revisão. Em pouco tempo, ele assinalou a marcação do pênalti. Na cobrança, Anselmo Ramon foi certeiro no canto esquerdo e abriu o placar aos 35 minutos.

Fortaleza tem pênalti cancelado

Uma nova intervenção do VAR impediu que o Fortaleza conseguisse sua melhor oportunidade do primeiro tempo. Aos 45 minutos, Felipe deu passe para David, que bateu de primeira. A bola se chocou contra o braço de Ignácio, e o árbitro marcou pênalti. Na revisão do lance, ele anulou corretamente a marcação, já que o beque da Chapecoense estava com o braço colado em seu corpo.

Fortaleza volta com tudo e empata

O Fortaleza voltou para o segundo tempo da mesma maneira. E com o controle do jogo, não deu nem tempo de a Chapecoense se preparar para a blitz cearense. Logo aos 4 minutos, conseguiu o empate. Matheus Vargas arriscou chute da entrada da área, e o goleiro João Paulo espalmou. A bola chegou aos pés de David, que bateu de primeira e marcou depois de a bola tocar na trave direita. Quatro minutos depois, o Leão teve chance para virar o jogo em um chute de Yago Pikachu que foi facilmente defendido por João Paulo.

Leão perde jogador, não recua e é premiado

Foram necessários 16 minutos para que o Fortaleza conseguisse a virada na Arena Castelão. E isso aconteceu justamente depois de a equipe tricolor ter perdido Quintero por expulsão. O técnico Juan Pablo Vojvoda, no entanto, reorganizou o time sem precisar recompor o setor, já que estava atuando com três zagueiros. Pelo contrário, colocou o atacante Robson em lugar de Matheus Vargas. Em sua primeira participação importante, Robson recebeu passe de Yago Pikachu e bateu forte de primeira, quase na pequena área, sem chance de defesa para João Paulo.

O melhor: Yago Pikachu define vitória

O Fortaleza manteve o bom ritmo, e muito disso se deve a Yago Pikachu, o melhor jogador da partida. Depois de dar uma assistência para Robson, ele deixou sua marca com um golaço. Na entrada da área, ele gingou na frente de Derlan e emendou um chute cruzado, acertando o canto direito de João Paulo. Foi o quarto gol do lateral no Brasileirão.

Fortaleza se recompõe e leva susto

Com a boa vantagem no placar, Vojvoda começou a recompor seu time no sistema defensivo. Tinga, Bruno Melo, Luiz Henrique e Ronald entraram, enquanto David, Romarinho, Lucas Crispim e Felipe deixaram o campo. O time cearense voltou a ter três zagueiros em campo, mas, mesmo assim, levou um grande susto. Perotti diminuiu a contagem aos 35 minutos em um carrinho após Ignácio desviar de cabeça uma cobrança de falta. Mas, para sorte do Fortaleza, não houve mais tempo para a Chapecoense igualar.

FICHA TÉCNICA:

FORTALEZA 3 x 2 CHAPECOENSE
Motivo:
8ª rodada do Campeonato Brasileiro
Data: 30 de junho de 2021 (quarta-feira)
Horário: 16h (de Brasília)
Local: Arena Castelão, em Fortaleza (CE)
Árbitro: Antônio Dib Moraes de Sousa (PI)
Assistentes: Rogério de Oliveira Braga (PI) e Márcio Iglésias Araújo Silva (PI)
VAR: Rodrigo Nunes de Sá (RJ)
Cartões amarelos: Quintero, Marcelo Benevenuto e Felipe Alves (Fortaleza); Lima, Ravanelli e Guedes (Chapecoense)
Cartão vermelho: Quintero (Fortaleza)
Gols: Anselmo Ramon, aos 35min do primeiro tempo, e Perotti, aos 35min do segundo tempo (Chapecoense); David, aos 4min, Robson, aos 16min, e Yago Pikachu, aos 26min do segundo tempo (Fortaleza)

FORTALEZA: Felipe Alves; Quintero, Marcelo Benevenuto, Titi; Yago Pikachu, Éderson, Felipe (Tinga), Matheus Vargas (Robson), Lucas Crispim (Bruno Melo); Romarinho (Luiz Henrique), David (Ronald). Técnico: Juan Pablo Vojvoda

CHAPECOENSE: João Paulo; Ignácio, Felipe Santana, Derlan; Matheus Ribeiro, Lima (Guedes), Ravanelli (Geuvânio), Mancha (Felipe Baxola); Fernandinho, Anselmo Ramon (Perotti), Mike (Kaio Nunes). Técnico: Jair Ventura

Futebol