PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Milene Domingues detalha internação por covid: 'Doença evolui muito rápido'

Rainha das embaixadinhas ficou uma semana hospitalizada no fim de 2020 - Reprodução
Rainha das embaixadinhas ficou uma semana hospitalizada no fim de 2020 Imagem: Reprodução

Do UOL, em São Paulo

15/04/2021 10h14

Ex de Ronaldo Fenômeno, Milene Domingues revelou detalhes do período em que ficou internada devido à infecção por covid-19, em novembro do ano passado.

Em entrevista ao site O Fuxico, a "rainha das embaixadinhas" disse que não precisou ser intubada, mas passou uma semana hospitalizada.

"Foi um momento mais tenso. Fiquei hospitalizada, porém, nunca fiquei mal, não precisei de oxigênio e nem respirador. A minha saturação sempre esteve de boa para ótima, isto para quem está com covid, já é bom, né? O chato foi ficar uma semana em hospital, que não é bacana, mas quando a gente começa a olhar o problema do outro, o nosso parece não ser nada", iniciou.

Aos 41 anos, ela afirmou estar tomando muito cuidado para não ser contaminada novamente, citando a rapidez com que o coronavírus se alastra pelo corpo.

"A doença é séria e eu passei na pele. Senti que é uma doença que evolui muito rápido. Ela não faz distinção, se eu sou atleta, se eu como bem ou não, se tenho hábitos ruins, se eu tenho ou não uma vida mais regrada e disciplinada. É uma doença que reage diferente sempre, por isso não diria medo, mas precaução sempre. Não deixo de me cuidar, até por ter passado e saber da força que esse vírus tem. Então todo cuidado é pouco, ainda mais por ter pessoas ao meu redor que são de risco", prosseguiu ela ao site.

Por fim, Milene minimizou a falta de eventos para fazer durante a pandemia e optou por valorizar a saúde das pessoas que a cercam.

"Tenho que agradecer todos os dias a Deus pela minha saúde e de todas as pessoas ao meu redor, da minha família, amigos, pessoas próximas. Oro por todos que estão passando por esse grande caos que é essa pandemia, mas acho que como qualquer mulher e qualquer brasileiro em si, já temos esse espírito guerreiro, lutador e desistir não é uma opção", finalizou.

Futebol