PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Bahia ganha do Santos em casa e garante vaga na Copa Sul-Americana

Colaboração para UOL, em Santos

25/02/2021 23h26

O Bahia venceu os reservas do Santos por 2 a 0 nesta noite, na Arena Fonte Nova, pela última rodada do Campeonato Brasileiro. Os gols foram de Rossi, na primeira etapa, e Alesson, na segunda. Com o resultado, o Tricolor garante vaga na Copa Sul-Americana.

O Alvinegro praiano não contou com oito titulares, uma vez que Luan Peres, Pará, Felipe Jonatan, Alison, Lucas Braga e Soteldo foram liberados e só voltam a treinar na próxima terça-feira (2). Já Madson fraturou duas costelas, e Marinho foi diagnosticado com Covid-19.

Donos da casa na frente

Classificado à Copa Libertadores 2021, o Santos foi a campo sem a pressão de vencer, ao contrário do Bahia, que precisava ganhar para fisgar uma vaga na Sul-Americana. O time dirigido pelo auxiliar-técnico Marcelo Fernandes teve um início abaixo, enquanto os donos da casa chegavam com perigo no ataque, dando trabalho a João Paulo, que fez bonita defesa em jogada de Rossi. No lance, Wagner Leonardo errou duas vezes.

Minutos mais tarde, porém, o atacante abriu o placar, aos 14 minutos do primeiro tempo. Após cobrança de escanteio, Rossi acertou um voleio para fazer um belo gol. Luiz Felipe teve um pouco de culpa no lance, pois deu espaço ao santista.

Meninos da Vila

Após o gol, o Peixe recuou e esperou pelo contra-ataque. O jogo ficou mais equilibrado e o time de Marcelo Fernandes, totalmente reserva, achou alguns espaços. Ângelo e Sandry foram os principais destaques. O primeiro, com 16 anos, deu bonito passe para Vinicius Balieiro, que cabeceou por cima do gol. Na sequência, o meia de 18 anos fez bonita jogada e passou a bola para Balieiro, que cruzou mal.

Nos minutos finais, o goleiro Douglas foi acionado e salvou o Bahia do empate. Arthur cruzou e Balieiro, novamente, quase marcou de cabeça.

Equilibrou

A segunda etapa foi ainda mais equilibrada. O técnico Dado Cavalcanti conseguiu ajustar seu time e Ângelo foi melhor marcado, o que diminuiu os riscos para os baianos. No Peixe, Bruno Marques desperdiçou novas chances.

Os reservas do Peixe se mostravam ansiosos e, consequentemente, produziram menos. Os donos da casa chegavam ao ataque com mais facilidade e, mesmo na frente, insistiram pelo segundo gol. E ele veio, nos minutos finais. Em jogada pela esquerda, Juninho Capixaba invadiu a área e rolou para Alesson finalizar para o gol.

FICHA TÉCNICA:

BAHIA 2 x 0 SANTOS
Data:
25 de fevereiro de 2021, quinta-feira
Horário: às 21h30
Local: Arena Fonte Nova, em Salvador (BA)
Árbitro: Paulo Roberto Alves Junior (PR)
Assistentes: Sidmar dos Santos Meurer (PR) e Rafael Trombeta (PR)
VAR: Rodrigo Carvalhaes de Miranda (RJ)
Gols: Rossi, aos 14 minutos do primeiro tempo; Alesson, aos 45 minutos do segunto tempo

BAHIA: Douglas; Nino Paraíba, Ernando, Lucas Fonseca e Matheus Bahia (Juninho Capixaba); Gregore, Patrick e Ronaldo (Ramon); Rodriguinho (Daniel), Rossi (Thiago Andrade) e Gilberto (Alesson). Técnico: Dado Cavalcanti

SANTOS: João Paulo; Fernando Pileggi (Gabriel Pirani), Luiz Felipe, Alex e Wagner; Vinicius Balieiro, Sandry (Tailson) e Jean Mota (Ivonei); Ângelo (Lucas Lourenço), Arthur Gomes (Allanzinho) e Bruno Marques. Técnico: Marcelo Fernandes

Futebol